sexta-feira, 8 de abril de 2011

Seis pessoas são presas com mais de 200 pedras de crack em Garanhuns

Três homens e três mulheres foram presos, na manhã desta sexta-feira (08), em Garanhuns, no Agreste, acusadas de tráfico de drogas. Com o grupo, foram apreendidas mais de 200 pedras de crack e dinheiro. Dos seis suspeitos, três foram presos na Cohab II, com dez pedras de crack, um cachimbo e R$ 100. As outras três estavam no bairro Heliópolis, com 260 pedras da mesma droga e R$ 225. Os acusados serão ouvidos na Delegacia Regional de Garanhuns. As três mulheres vão ser encaminhadas à Colônia Penal Feminina, em Buíque, e os três homens, à Cadeia de Garanhuns.

8 de abril: Dia Mundial de Combate ao Câncer de Pulmão

Abril é um mês dedicado à luta contra o câncer de pulmão. A data pode ser inclusive, comemorada. Segundo o Dr. Gustavo Faibischew Prado, pneumologista do Incor e do Instituto do Câncer do Estado de São Paulo, membro da Sociedade Paulista de Pneumologia e Tisiologia, “avançamos de forma contínua na incorporação das mais recentes tecnologias para o desenvolvimento de novas técnicas cirúrgicas e práticas clínicas, tanto no diagnóstico e investigação da extensão da doença, quanto no campo terapêutico”. Os exames considerados mais avançados para a investigação do câncer já estão disponíveis no Brasil. A tomografia computadorizada por emissão de pósitrons (PET-CT) e a ultra-sonografia broncoscópica (EBUS) são alguns exemplos. Os tratamentos menos agressivos, explica o especialista, são feitos por meio de cirurgias vídeo-assistidas e minimamente invasivas. “Temos também novas técnicas de radioterapia mais eficazes e com menos efeitos adversos sobre o pulmão normal, além de quimioterapia mais individualizada, direcionada às células tumorais”. Cerca de 80% a 90% dos casos de câncer de pulmão estão relacionados ao tabagismo, mas também pode ser causados pela exposição a metais pesados, como cromo, níquel e cádmio, além de fibras de amianto e radiação. “O tratamento pode ser feito por meio de cirurgia, radioterapia e quimioterapia, dependendo do estágio em que ele se encontra.”

Shareaholic

Compartilhar