domingo, 14 de novembro de 2010

Seguro-desemprego sai em até 5 dias para todo Brasil na próxima semana

O Ministério do Trabalho informou que o sistema conhecido como Homolognet, que permite a concessão do seguro-desemprego em até 5 dias, estará disponível para todos os estados do Brasil a partir do dia 18 de novembro, quinta-feira da próxima semana.

Atualmente, segundo informações do Ministério do Trabalho, a concessão do benefício aos trabalhadores demora, em média, 20 dias sem o Homolognet, podendo chegar a 40 dias nos casos em que há problemas de documentação. Desde junho, o sistema está disponível em algumas unidades da federação, como Distrito Federal, Paraíba, Tocantins, Rio de Janeiro e Santa Catarina.

A ferramenta, de acordo com o governo, foi criada para ajudar empresas e empregados no cálculo das indenizações por ocasião da rescisão de contrato de trabalho, firmados há mais de um ano.

A coordenadora Geral de Relações do Trabalho, Paula Polcheira, afirmou que o HomologNet permite o cálculo dos valores da rescisão do contrato de trabalho de forma automática, possibilitando à empresa facilidade na hora da emissão do Termo de Rescisão e dando ao trabalhador "tranqüilidade" em saber que as indenizações devidas na demissão serão calculadas por um sistema "confiável" e garantido pelo Ministério do Trabalho e Emprego.

"Hoje, cada empresa tem seu próprio sistema de cálculo. Com o HomologNet as partes vão ganhar mais segurança em relação aos cálculos da rescisão do contrato de trabalho uma vez que serão realizados por um sistema único e confiável", disse a coordenadora.

O que é?
O seguro-desemprego pode ser requerido por todo trabalhador dispensado sem justa causa, por aqueles cujo contrato de trabalho foi suspenso em virtude de participação em curso ou programa de qualificação oferecido pelo empregador; por pescadores profissionais durante o período em que a pesca é proibida devido à procriação das espécies e por trabalhadores resgatados da condição análoga à de escravidão.

Para 2010, a expectativa do governo é de que de 6 a 6,2 milhões de trabalhadores recebam o seguro-desemprego. A estimativa é de desembolsar R$ 17,9 bilhões como benefício neste ano.



Fonte: G1

Prefeitura de Taquaritinga adquire máquina de blocos

A Terra das Dálias a cada dia que passa se torna mais independente, pois o gestor sempre preocupado com o desenvolvimento investe maciçamente em grandes ações que visam melhorar a vida dos nortetaquaritinguenses.
Por este motivo adquiriu com recursos próprios uma máquina para fabricação de blocos de concreto para o município. A mesma irá beneficiar toda população com a fabricação de blocos que irão fazer o calçamento de várias ruas do município. A fábrica tem capacidade para produzir 10 mil blocos por dia, o correspondente ao calçamento de 500 metros quadrados de rua.
Antes de iniciar cada obra de pavimentação, a Secretaria de Obras irá fazer todo um planejamento operacional nas ruas que vão receber os bloquetes. Esse trabalho visa garantir a qualidade, prevendo todas as obras complementares, como sarjetas, captação de água da chuva e ligações de água e esgoto nos imóveis ainda sem esses serviços.
De acordo com o Secretario de Obras Damião Oliveira, o calçamento com blocos de concreto é muito vantajoso para o Município e para população desde a qualidade até a economia. “O baixo preço de cimento, a facilidade na manutenção e a própria característica ecológica do material ajudam na rapidez das obras trazendo melhores condições de vida para os moradores que ainda não possuem suas ruas pavimentadas, bem como gera economia para o município”, completou.
“Estamos na administração dos avanços. Aos poucos adquirindo autonomia em vários setores que antes eram terceirizados, o que só vem trazendo vantagens para a Prefeitura e população gerando emprego e renda”, destacou o Prefeito José Evilásio.
Agora é só esperar a produção dos blocos que será empregado nas ruas que ainda não possuem calçamento na cidade das Dálias.

Henrique Figueirôa
Assessor de Imprensa e Marketing

Shareaholic