quinta-feira, 28 de março de 2019

PRESO EM SERTÂNIA ACUSADO DE ATEAR FOGO NA EX-COMPANHEIRA

Policiais da Delegacia de Sertânia no Sertão de Pernambuco realizaram a prisão do José Alisson Barbosa Brito, responsável pela tentativa de homicídio contra sua ex-companheira, crime praticado em outubro de 2017, na Vila da Cohab, em Sertânia. A polícia informou que eram constantes as agressões verbais e físicas praticadas contra a companheira.

A polícia informou ainda que na época do fato, o autuado foi até a residência da vítima, pelo fato de estar com ciúmes dela e achar que ela tinha começado um novo relacionamento. Durante uma discussão, o acusado saiu da residência da vítima e comprou um galão de combustível e jogou no corpo dela e pelos móveis da residência. Posteriormente, riscou um fósforo e saiu sem prestar nenhum tipo de ajuda. A vítima teve em torno de 35% do corpo queimado com lesões graves, sendo socorrida por populares. Com isso, a equipe da Delegacia de Polícia de Sertânia deu cumprimento ao mandado de prisão preventiva contra o meliante, pelo crime de tentativa de homicídio qualificado.

Ele será encaminhado a Cadeia Pública da cidade. Posteriormente, responderá ao processo na Justiça, nos tramites legais.

POLÍCIA DIVULGAR RETRATO FALADO DO SUSPEITO DE ASSASSINA O RADIALISTA CLAUDEMIR NUNES EM SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE - PE

A Polícia Civil através da 21ª DPH – Delegacia de Polícia de Homicídios – de Santa Cruz do Capibaribe – divulgou na manhã desta quarta-feira (27), o retrato falado do elemento que assassinou o radialista Claudemir Nunes Silva, de 42 anos de idade, na tarde da última quinta-feira (21), de março na Rua José Gerônimo no bairro São Cristóvão em Santa Cruz do Capibaribe, Agreste Pernambucano.

A perícia iconográfica, o retrato falado como é popularmente chamado, foi apresentado pelo delegado Dr. Bruno Machado na Sede da 21ª DPH.

Dr. Bruno acredita que com a divulgação da imagem confeccionada pelo Instituto de Identificação Tavares Buril (IITB), a população deve ajudar a Polícia a identificar o autor do crime de morte.


Confira a entrevista com o delegado Dr. Bruno Machado.


As imagens mostram que o indivíduo antes de executar a vítima subtraiu pertences do radialista antes de obrigar o mesmo a ficar de joelhos e atirar. Dr Bruno Machado não descarta que a ação pode ter sido uma simulação de roubo e que o elemento já estivesse na eminência de ceifar a vida da vítima, já que segundo ele, o indivíduo chegou uma hora antes do crime e ficou aguardando Claudemir sair da rádio, no entanto, nenhuma linha de investigação é descartada pela Polícia Civil.

As imagens capturadas pelas câmeras mostram ainda que, após o homicídio, o executor corre comemorando a morte do radialista Claudemir Nunes.

Assista o vídeo:


Qualquer informação que possa chegar ao paradeiro do assassino do radialista Claudemir Nunes, deve ser repassada para a equipe da 21ª DPH (Delegacia de Polícia de Homicídios) através do número (81) 9 9488-7041 ou Disque-Denúncia Agreste pelo número (81) 3719-4545; a identidade do informante será mantida no mais absoluto sigilo.


Leia mais notícias no www.budeganordestina.com, siga nas redes sociais:facebook,Twitter, veja nossos vídeos no nosso canal no Youtube Tv Budega Nordestina. Envie informações à nossa Redação pelo WhatsApp (81) 9 9428-8603, Curta nossa Pagina no Facebook, Blog Budega Nordestina.

POLÍCIA FEDERAL REALIZA OPERAÇÃO PARA DESARTICULAR ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA EM MUNICÍPIOS DO AGRESTE PERNAMBUCANO.

A Polícia Federal em Caruaru/PE, com apoio da Controladoria-Geral da União, deflagrou na manhã de hoje (28/03/2019) a Operação Pescaria II, com a finalidade de dar cumprimento a quatro Mandados de Prisão Preventiva e nove Mandados de Busca e Apreensão*, expedidos pela 24ª Vara da Justiça Federal, contra suspeitos de integrarem uma associação criminosa especializada na prática de fraudes em processos licitatórios no município de Agrestina/PE, destinados à contratação de obras públicas (unidades básicas de saúde) custeadas com recursos do Ministério da Saúde, por meio da realização de atos destinados à prévia escolha de determinada empresa “de fachada” pertencente a um dos integrantes do esquema, sem capacidade técnico-operacional, restando a execução das obras públicas a terceiro desqualificado, também integrante do esquema.

O grupo também é investigado pela prática de atos de ocultação e dissimulação dos recursos envolvidos nas fraudes. A investigação teve início em novembro de 2018 e os crimes sob apuração são os de Fraude à Licitação, Associação Criminosa, Falsidade Ideológica, Peculato e Lavagem de Dinheiro, cujas penas somadas podem chegar a 46 anos de reclusão, além do pagamento de multas.

A ação do dia de hoje foi resultado da análise dos materiais apreendidos em cumprimento de mandados judiciais na primeira fase que aconteceu no dia 21/02/2019 na qual resultou no cumprimento de três Mandados de Prisão Temporária que foram convertidas em Prisões Preventivas e seis Mandados de Busca e Apreensão.

Esta segunda fase da operação conta com a participação de cinquenta Policiais Federais, além de servidores da CGU, e os mandados estão sendo cumpridos nas cidades de Agrestina, Garanhuns, Brejão, Panelas e Jurema, todas no Agreste.

ROCAM APREENDE 04 ESPINGARDAS EM BOM CONSELHO/PE

As armas estavam numa residência na zona rural do município

Policiais da ROCAM apreenderam 04 espingardas do tipo soca-soca, no Sítio Serra dos Martins, na zona rural de Bom Conselho. A apreensão ocorreu na manhã de quarta-feira (27).

Segundo a polícia, foi recebido denúncia que na Rua Ângela Pessoa de Lucena, centro da cidade, estava havendo uma briga entre família. No local, um dos envolvidos, genro, relatou ao policiamento ter entrado em vias de fato com seu sogro e sogra após breve discussão, briga esta que causou lesões em ambas as partes.

Em seguida, o genro informou que seu sogro guardava em sua residência no referido sítio, algumas espingardas. Com a confirmação do proprietário sobre as armas, o efetivo da ROCAM foi até a residência denunciada e apreendeu as armas e mais uma mochila tipo bornal com material de recarga (chumbo, pólvora e espoletas).

Os envolvidos foram levados à delegacia, mas não quiseram prestar queixa das agressões e lesões. Sendo assim, somente foram tomadas medidas com relação à posse de arma de fogo. O proprietário das armas (homem de 47 anos) foi autuado em flagrante e liberado após pagamento de fiança.

Shareaholic