sábado, 21 de setembro de 2019

Presa por envolvimento na morte da irmã, mulher sabia intenção de assassinos

Foto: Reprodução/TV Jornal

Em entrevista coletiva nesta sexta-feira (20), o delegado Augusto Cunha, responsável pela investigação da morte de Sandy Evelin da Costa Bezerra, morta aos 14 anos, em 2015, detalhou o envolvimento da irmã da garota no crime. Silvaneide Maria da Costa, de 26 anos, confessou que sempre teve problemas de relacionamentos com a adolescente.

Silvaneide Maria da Costa foi presa no início da noite desta quinta-feira (19). Os suspeitos de cometer o crime também foram presos. São eles: Wallison Wendel Feitosa de Araújo, conhecido como Batata, e José Henrique Gonçalves de Santana, o Chapa.

As investigações apontam que no dia do crime, ao sair de casa para ir à igreja, Sandy foi abordada pelos suspeitos após Silvaneide passar informações sobre a localização da irmã aos assassinos. “As duas estavam em casa e Silvaneide, vendo que Sandy estava saindo para a igreja, avisou aos executores. [Ela] Voltou ao local, agindo como se não soubesse de nada, pegou o celular, voltou par casa e saiu com a família a procura do corpo”, detalhou o delegado.

Ainda de acordo com o delegado, o corpo de Sandy Everin Costa, foi encontrado com sinais de violência em um canal, no bairro de Águas Compridas, em Olinda. A garota foi morta porque não aceitou manter um relacionamento com o Chapa, que era conhecido como um dos maiores traficantes do bairro.

Irmãs não se davam bem 

Segundo o delegado Augusto Cunha, Silvaneide sabia da intenção dos criminosos. “Ela sempre teve um problema de relacionamento com Sandy, tinha muita discussão com ela, não se davam muito bem. E ela, em interrogatório, afirmou que sabia da intenção dos executores que ela [Sandy] seria estuprada ou seria morta”, revelou o delegado.

Chapa já estava preso por tráfico de drogas e teve o mandado de prisão pedido pelo assassinato de Sandy Evelin pela Justiça. Já Walisson Wendel Feitosa de Araújo foi preso nessa terça-feira (17) na própria casa, no bairro de Alto do Sol Nascente, em Olinda. Silvaneide está na Colônia Penal Feminina do Recife, no bairro da Iputinga, Zona Oeste da Capital, onde está à disposição da Justiça.



Fonte: Rádio Jornal do Recife

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Shareaholic