sábado, 13 de abril de 2019

POLICIAIS CIVIS DE PERNAMBUCO DEFLAGRAM CAMPANHA SALARIAL E PROMETEM GRANDES MOBILIZAÇÕES.

Na ultima quinta-feira (11), em assembleia realizada na sede do Sinpol, centenas de Policiais Civis de todas as regiões do estado debateram e definiram as estratégias que vão orientar a campanha salarial 2019 da categoria.

O movimento, deflagrado na ocasião, ressurge cerca de três anos depois do último acordo firmado entre o Governo do Estado e o Sinpol para que a greve da categoria, realizada em 2016, fosse encerrada. O acerto previu a implementação de reajustes progressivos. Desde então, a diretoria do sindicato tem circulado o estado para debater e mobilizar os Policiais Civis para o desafio de uma nova campanha salarial.

Para o Presidente do Sinpol, Áureo Cisneiros, “agora é momento de, mais uma vez, demonstrarmos o tamanho da força e a união dos Policiais Civis de Pernambuco em busca de sua valorização e melhores condições de trabalho.

Já o Vice-presidente da entidade, Rafael Cavalcanti, fez questão de ressaltar que as perseguições políticas sofridas pela diretoria e por parte da base, em razão da última campanha salarial e outros movimentos, não irão inibir a atuação enérgica do sindicato. “São cerca de 40 processos administrativos só da diretoria do Sinpol, em decorrência da nossa atividade sindical. Dois deles pedem a minha demissão, bem como a de Áureo, que sozinho já acumula dezesseis PAD's. Mas, se queriam nos intimidar, o efeito foi justamente o contrário. Vamos lutar como nunca”, antecipa.

Demonstrando confiança na condução da campanha salarial por parte da diretoria do Sinpol, todas as propostas apresentadas na assembleia geral foram aprovadas por unanimidade. São elas:

 • Revisão do Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos;

 ▪Um novo enquadramento, amplo e geral, inclusive, para quem está no estágio probatório;

 ▪Carreira única – fazendo justiça dentro da polícia judiciária e fomentando uma melhor prestação de serviços para a população;

 ▪Conclusão dos trabalhos para estruturar a Lei Orgânica da categoria;

 ▪Projeto de unificação de cargos entre agentes, escrivães e Auxiliares dos institutos IC, IML;

 ▪Anistia e arquivamento para todos os diretores e filiados ao Sinpol em razão da atividade sindical;

 ▪Reserva de 50% das vagas nos concursos para delegado e perito destinadas a quem já está nos quadros da Polícia Civil;

 ▪Chamamento de todos os aprovados no concurso de 2016, que aguardam serem chamados.

A luta pela valorização dos policiais e por uma segurança pública melhor para o povo pernambucano, continua firme e forte!!

Leia mais notícias no www.budeganordestina.com, siga nas redes sociais:facebook, veja nossos vídeos no nosso canal no Youtube Tv Budega Nordestina. Envie informações à nossa Redação pelo WhatsApp (81) 9 9428-8603, Curta nossa Pagina no Facebook, Blog Budega Nordestina.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Shareaholic