segunda-feira, 24 de dezembro de 2018

Ciclistas fazem cortejo em enterro de vítimas de acidente em Petrolina

Foto: Marco Aueélio/Rádio Jornal Petrolina


Os dois ciclistas vítimas de acidente no último domingo (23) foram enterrados sob forte comoção na manhã dessa segunda-feira (24) em Petrolina, no Sertão de Pernambuco. Um grupo de ciclistas fez um cortejo partindo do bairro Dom Avelar sentido Avenida Sete de Setembro, acompanhando os caixões das vítimas.

Acidente

O acidente aconteceu na manhã de domingo, quando um carro atingiu dois ciclistas que trafegavam pelo acostamento, no quilômetro 176 da BR-428. O motorista de 20 anos estava embriagado e teria cochilado ao volante. Ele foi detido por outros ciclistas que pedalavam na área.

De acordo com a PRF, as vítimas, identificadas como Anaelton Rodrigues Macêdo e Rogério Teles de Siqueira, ambas de 34 anos, morreram no local. Anaelton foi arremessado a 53 metros do ponto de colisão e faleceu na hora. Rogério chegou a ser socorrido pelo Corpo de Bombeiros, mas também não resistiu.

No local do acidente não foram encontradas marcas de frenagem, por isto a hipótese de que o condutor tenha dormido na direção do veículo. O teste com etilômetro confirmou que o motorista estava embriagado. Além destas irregularidades, o motorista estava com a permissão para dirigir vencida desde novembro.

Foto: WhatsApp/Rádio Jornal Petrolina

O suspeito foi preso em flagrante pelo crime de homicídio culposo na direção de veículo automotor, qualificado pela embriaguez. O condutor do veículo foi liberado após audiência de custódia. Os motivos não foram informados.

A liberdade provisória concedida pela justiça revoltou não apenas os familiares e amigos das vítimas. O irmão de Anaelton José Maciel Rodrigues pede justiça, doa a quem doer:

De acordo com a consulta processual unificada na internet, o auto de prisão em flagrante não foi distribuído para uma das varas de Petrolina. Pelo crime de trânsito, o motorista pode ser condenado a prisão que varia de cinco a oito anos. O ciclista Alex da Silva, que era amigo das vítimas, afirma que os colegas não tiveram a menor chance de escapar do atropelamento:



Com informações do NE10 Interior

EMOÇÃO E HOMENAGENS MARCAM O SEPULTAMENTO DE FOGOIÓ DOS 8 BAIXOS EM SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE - PE


Na tarde deste domingo (23) foi sepultado, no cemitério Pedro Paulo, cemitério novo, o corpo de João Balbino da Silva, de 66 anos ou simplesmente (Fogoió dos 8 baixos).

Fogoió vinha lutando contra um câncer Ele faleceu na noite do ultimo sábado no Hospital da Unimed em Caruaru, onde estava fazendo tratamento médico.

O corpo foi velado, durante todo o dia de ontem, na Câmara de Vereadores de Santa Cruz do Capibaribe, onde muitas pessoas passaram para prestar homenagens. O cortejo saiu por volta das 17h, seguindo por ruas e avenidas do município até chegar no cemitério novo.

A chegada do corpo ao cemitério também foi marcada por homenagens, que se seguiram até os últimos momentos do sepultamento.


Artistas de Santa Cruz e de outras cidades da região acompanharam o cortejo. Brincalhão, sorridente e muito querido por todos os santacruzenses, Fogoió foi homenageado em vida no São João 2016, de Santa Cruz do Capibaribe. Fogoió é a "cara" das quadrilhas juninas, de Santa Cruz, fogoió também foi homenageado no São João 2018, da escola estadual Dr. Adilson Bezerra de Sousa, A gestora da escola Dr. Adilson Bezerra, Clarice Grangeiro, lamentou a morte do artista, Fogoió. "Um artista ímpar, que por mais de 40 anos fez a alegria de milhares de pessoas pelo Nordeste, Fogoió, deixa um legado na cultura popular de nossa cidade e região e por que não do nosso Brasil".


O radialista Paulo Viana, também lamentou a morte do amigo e colaborador, Fogoió. "Era um grande representante da nossa cultura, um bom amigo que tive a oportunidade de entrevistá-lo varias vezes".


Sanfoneiros de Santa Cruz do Capibaribe prestam homenagens a Fogoió dos 8 Baixos.



Fogoió tinha várias composições próprias, além de representar maravilhosamente bem, vários tocadores de fole de nomes de expressão no cenário nacional, como: Zé Calixto, Luizinho Calixto, Manoel Maurício, entre outros.


Fogoió era da comunidade de Tabocas, zona rural de Brejo da Madre de Deus, mas era radicalizado em Santa Cruz do Capibaribe, cidade que representava fazendo parte da Orquestra Sanfônica de Oito Baixos, Fogoió deixa um grande legado na cultura do Polo das Confecções, porque o que fazia pela musicalidade nordestina, era com prazer e alegria.

Em versos o poeta Joãozinho Aboiador prestou homenagem a Fogoió dos 8 Baixos.


Quer receber notícias diariamente? Curta a nossa página no Facebook Blog Budega Nordestina e nossa Canal do Youtube TV Budega Nordestina.

Redação: Zap 81 9 9428-8603

Guia de excursão morre e ajudante fica ferido após tentativa de assalto a sulanqueiros

No último sábado (22) um grupo de sulanqueiros, que vinha fazer compras em cidades do Polo de Confecções, foi vítima de assalto na BR-104.

De acordo com as informações enviadas por nosso correspondente Adielson Galvão, o grupo tinha saído de Santa Cruz do Capibaribe, com destino a Aracajú, quando teria sido interceptado por bandidos.

O motorista relatou que a tentativa de assalto aconteceu no momento em que o ônibus estava parado na pista.

Criminosos chegaram a efetuar disparos de arma de fogo e um homem, identificado por José Cícero Amorim (57 anos), ajudante da excursão, foi baleado no ombro, sendo cirurgiado e está fora de perigo.


Desencontro de informações

Outro fato que chamou a atenção é que a guia de excursão, identificada por Maria Lídia de Araújo (53 anos, foto acima) teria recebido a informação de que o ajudante não teria resistido aos ferimentos.

Diante da informação (que foi comprovada como falsa horas depois) ela teria passado mal, sendo socorrida por uma unidade do Samu, mas foi a óbito.



Foto: Blog do Adielson Galvão

JOVEM FOI ASSASSINADO NA VÉSPERA DO NATAL EM CARUARU

Na madrugada desta segunda-feira (24), véspera de natal, foi assassinado a tiros na Rua Frederico Hozana, próximo ao INSS, no bairro Divinópolis, no municipio de Caruasru, Jeferson Roberto da Silva Ferreira, conhecido por “Grilo” de 30 anos, que morava na mesma rua, onde foi morto e trabalhava numa borracharia.

Moradores da localidade informaram que essa rua é muito utilizada por usuários de drogas que vão ao local para consumir o entorpecente, porém em relação a vítima disseram que era uma boa pessoa e que nunca foi preso.

Este foi o 10º homicídio do mês de dezembro e o 165º do ano de 2018 em Caruaru e o corpo foi encaminhado para o IML.

Shareaholic