terça-feira, 4 de setembro de 2018

GT LOCAL E BEPI PRENDERAM QUADRILHA DE ASSALTANTES EM CACHOEIRINHA

No início da noite desta segunda-feira (03), dando continuidade ao plano de ação do 15° BPM na cidade de Cachoeirinha, o efetivo da GT 15231 que já tinha conhecimento que há dias, elementos estavam praticando assaltos em Cachoeirinha e cidades da região usando um Chevrolet Kadett de cor branca. Quando o policiamento saia do pelotão avistou o mencionado veículo trafegando em uma das vias e nesse momento solicitou o apoio do policial de permanência do pelotão, para que fizesse parte da guarnição afim de efetuar a abordagem nos meliantes. Que de imediato, fizeram o deslocamento onde ao avistá-los, numa rápida ação, trancaram o veículo onde os mesmos estavam e efetuaram abordagens nos 03 (três) imputados que ocupavam o carro e encontraram dentro do veículo um revólver Rossi calibre 38 com quatro munições intactas.

Ao tomar conhecimento da ocorrência por populares, oMajor Pedro Moraes, que comanda a 2ª Companhia do BEPI de Toritama, juntamente com a sua guarnição deu apoio na condução dos mencionados envolvidos, que também entregaram o restante da quadrilha e que após diligências conseguimos prender mais três elementos que residiam no município de Lajedo. Após consulta, foi verificado que contra o imputado Leandro Pereira, constava em aberto um mandado de prisão.

Os marginais Jairo da Silva Macedo, de 30 anos;Leandro Pereira da Silva, de 26 anos; Enyson Matheus Jacinto Melo, de 20 anos; Joelison da Silva Pereira, de 21 anos; Matheus Rodrigues Barbosa Henrique, de 20 anos e um menor de 17 anos, todos residentes em Lajedo, foram encaminhados a DP de Belo Jardim para providencias cabíveis. Salientando ainda, que desse desdobramento o efetivo do BEPI com o apoio da GT de Cachoeirinha, fizeram deslocamento até o município de Garanhuns, onde apreenderam um enorme arsenal de armas e munições, conforme reportagem anterior.



Fonte: Blog do Adielson Galvão 

Último presidente a visitar Museu Nacional foi Juscelino Kubitschek, em 1958

O valor de R$ 520 mil anuais destinados à manutenção do Museu Nacional na Quinta da Boa Vista, zona norte do Rio de Janeiro, foi um dos principais motivos que levou o diretor da instituição, Alexandre Kellner, a procurar a Presidência da República para discutir o Plano Diretor de revitalização do museu. Sob os cuidados da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), no entanto, o palacete bicentenário foi visitado pelo chefe do Executivo pela última vez em junho de 1958, quando o presidente ainda era Juscelino Kubitschek. O local foi incendiado na noite do ultimo domingo (2).

Em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo, Kellner explicou que buscava um financiamento de ao menos R$ 300 milhões — valor que poderia ser investido ao longo uma década — para a revitalização do museu. Sem conseguir uma reunião, viu a maior parte do acervo se perder após o incêndio que ocorreu no fim de semana. Tudo aconteceu antes mesmo que o BNDES pudesse aplicar os R$ 21,7 milhões que seriam destinados à restauração da instituição. O valor foi acertado para celebrar os 200 anos do museu, completados em junho deste ano.

O edifício tombado foi morada da família imperial no país e visitado por diversas personalidades ao longo dos anos. A lista de notáveis que estiveram no local apresenta nomes como o pai da aviação Santos Dumont, o físico alemão Albert Einstein, a cientista polonesa Marie Curie e o antropólogo belga Levi-Strauss.

Com o passar dos anos, o corte de verbas se acentuou e o museu passou a sofrer com a queda na quantidade de visitantes, apesar da entrada a R$ 8. O imóvel apresentava paredes descascadas e fiação à mostra. Estima-se que apenas 1% do acervo estava exposto.

ADOLESCENTE É MORTA A TIROS EM ALAGOINHA, NO AGRESTE

Uma adolescente foi assassinada a tiros na madrugada do ultimo domingo (2) no centro de Alagoinha, no Agreste de Pernambuco. 

Evelyn Sabrina Vieira da Silva, 15 anos, estava conversando com um jovem de 19 anos próximo à casa da avó dela quando dois homens não identificados chegaram em uma motocicleta e efetuaram os disparos.

De acordo com a Polícia Militar, Evelyn foi atingida por disparos no tórax e no braço. Ela chegou a ser socorrida para o Hospital Dr. Lídio Paraíba, em Pesqueira, mas não resistiu e faleceu. O outro jovem levou um tiro no braço e correu para uma residência próximo ao local do crime. Em seguida, foi levado para a unidade de saúde escoltado por uma viatura da PM.

Segundo a polícia, o jovem é conhecido por efetuar disparos de arma de fogo em via pública e sempre estar na companhia de pessoas que fazem confusões na cidade. Apesar disto, ainda não se sabe a motivação do crime. O caso será investigado pela Polícia Civil.


(Com informações do NE-10)

Shareaholic