sábado, 1 de setembro de 2018

Educação de Coxixola fica em primeiro lugar do Estado em avaliação de aprendizado do Governo Federal

Os dados do índice que avalia a qualidade da educação praticada no país foram divulgados na última quinta-feira (30) de agosto pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). As informações coletadas através do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb) em 2017 apontam que Coxixola-PB agregou pontos de proficiência acima da média regional, estadual e nacional no 5º ano do ensino fundamental.

Os alunos do ensino municipal de Coxixola-PB, alcançaram o maior índice de proficiência no 5º ano do ensino fundamental nas disciplinas de Português e Matemática, obtendo notas 232,41 e 265,44 respectivamente obtendo uma média nas duas avaliações de 248,93 sendo o melhor resultado no estado da Paraíba

São Domingos do cariri ocupa o segundo lugar no ranking do estado nas duas disciplinas, consideradas básicas. Com media em português e matemática de 244,15 em terceiro lugar temos Cabaceiras com media 242,08

Na contramão e encabeçando o grupo das cinco cidades que apresentaram o pior desempenho no levantamento do Inep está Caldeirão Grande, no Norte do estado, que ocupou esta posição no índice do 5º ano tanto em Língua Portuguesa quanto em Matemática, com nota 151,44 e 159,87 respectivamente. O secretário de Educação da cidade, João Matos, no cargo desde 2017, atribui a performance negativa do município à deficiência da leitura, que ele avalia ainda como um problema nacional. “Toda a problemática da educação vem da deficiência de leitura e escrita. Esse é um problema cultural no município, as pessoas não tem o hábito da leitura e escrita, mas esse é um problema nacional e não só local. É nacional e reflete no município”, declarou.

O segundo pior desempenho em Língua Portuguesa no 5º ano na Bahia é da cidade de Cansanção com nota 160,74, seguida por Santanópolis (161,28), Cachoeira (162,72) e Arataca (162,8). Todas fazem parte do grupo de 403 municípios baianos que não atingiram a média nacional.

No ranking da disciplina de Matemática, ainda nesta série, a média nacional é de 224, superada pelas cinco cidades baianas melhor colocadas no ranking. Seguem Itatim e Licínio de Almeida, Caculé com índice 238,53, Feira da Mata com 236,5 e Jacaraci que obteve 233,68. No final do ranking nesta modalidade, com os piores índices do 5º ano em Matemática estão além de Caldeirão Grande, Almadina (171,94), Cansanção (172,45), Santanópolis (172,48) e Cachoeira (174,25). Na Bahia, 396 cidades ficaram abaixo da média.

De acordo com o Inep, o Saeb reflete os níveis de aprendizagem demonstrados pelo conjunto de estudantes avaliados e os índices são indicados através de testes e questionários.

Pernambuco registra 286 homicídios e 206 assaltos no mês de agosto

Foto: Izaias Rodrigues/Arquivo Liberdade

Registrados 5 assaltos a ônibus nesta sexta-feira (31), na Região Metropolitana do Recife. O mês de agosto fechou com 206 assaltos e no ano já são 1.723.

Sete pessoas foram assassinadas em Pernambuco nesta sexta. O mês de agosto fechou com 286 homicídios no Estado, seis em Caruaru. No ano são 2.698 assassinatos, sendo 1.075 no Grande Recife e 1.623 no interior.


Fonte: www.Liberdade.com.br

X Festival do Mel contará com palestras, minicursos e reuniões temáticas; confira a programação oficial


A Prefeitura de São José dos Cordeiros, através da Secretaria de Agricultura em parceria com a Emater local, divulgou a programação técnica do X Festival do Mel. O evento é reconhecido não apenas por grandes shows e forte movimentação turística, mas por uma vasta programação que discute em âmbito estadual e nacional a apicultura como atividade econômica.

Para a programação deste ano, são esperados palestrantes reconhecidos regionalmente e apicultores de todo o país.Serão realizadas palestras, mesas redondas, minicursos e reunião do Fórum Paraibano de Apicultura e Meliponicultura.

Para o prefeito Jefferson Roberto, não adianta fazer um grande festival do mel e não discutir a importância da apicultura para a economia regional. “Nós queremos promover nosso comércio, incentivar o turismo de nossa cidade, que já é conhecida estadualmente como a capital do mel, mas importa em muito para nós contribuir com nossos apicultores para que possam fortalecer sua atividade e sejam beneficiados com geração de renda e ocupação na zona rural”, pontuou.

Concurso Garota do Mel

Como ocorre desde o início do Festival do Mel, o evento será aberto com mais uma edição do concurso da Garota do Mel. Belas cordeirenses já se inscreveram e concorrerão ao título de garota mais bela de São José dos Cordeiros, já assumindo a titularidade de representante da Capital do Mel como Miss em concursos de beleza.

O concurso abrirá o X Festival do Mel na quinta-feira, dia 20 de setembro, junto a solenidade de abertura da festa.

Shows

Já na grade de shows do X Festival do Mel, toda a programação já está fechada e a Prefeitura está divulgando paulatinamente através de suas redes sociais. Segundo o secretário de finanças, Felício Queiroz, a programação de festas será especial em comemoração aos 10 anos do evento e promete atrair uma multidão à Capital do Mel.

Os shows da cantora Márcia Felipe, Deivinho Novaes e Alcimar Monteiro foram anunciados. As apresentações musicais ocorrerão entre os dias 21 e 23 de setembro.

Veja a programação técnica completa:

Dia 20 – QUINTA-FEIRA

19:00 – Solenidade de Abertura;

19:30 – Concurso da Garota do Mel.

Dia 21 – SEXTA-FEIRA

8:00 – Credenciamento;

9:00 – Palestra Motivacional – Apicultura e Meliponicultura no Semiárido

Palestrante: Dr. Daniel Duarte – Professor da Universidade Federal da Paraíba

10:00 – Mesa Redonda – Tema: Apresentação dos resultados alcançados com o Manejo Avançado na Apicultura para Alta Produtividade no município de São José dos Cordeiros e de outras cidades do estado da Paraíba;

12:00 – Almoço;

14:00 – Meliponicultura como alternativa de renda no Semiárido;

Palestrante: Victor Hugo Pedraça Dias – Eng. Agrônomo / EMATER-RN.

15:30 – Viabilidade da Produção de Própolis no Semiárido;

Palestrante: José Isaías – Farmacêutico e Apicultor.

17:00 – Apresentação dos Trabalhos Científicos;

Evento Paralelo

14:00 – REUNIÃO DO FORUM PARAIBANO DE APICULTURA E MELIPONICULTURA

Mediador: Hebert Uchoa

Dia 22 – SÁBADO

Minicursos de 10:00 as 12:00
Minicurso 1: Processo de Gestão e Produção na Apicultura;

Instrutor: Leon Denis Batista do Carmo – Biólogo / EMEPA PB / SENAR PB / FEAMEPB.
Minicurso 2: Manejo ecológico de Abelha Jandaíra;

Instrutor: Victor Hugo Pedraça Dias – Eng. Agrônomo / EMATER-RN.
Minicurso 3: Produção e Processamento de Cera;

Instrutor: Josenildo Querino Dias – Zootecnista / Consultor SEBRAE-PB.

PROJETO 'BUDEGA NORDESTINA'. VALORIZANDO NOSSA CULTURA E NOSSO POVO.


Programa "Budega Nordestina" a cultura em primeiro lugar. XOTE, XAXADO, BAIÃO, ARRASTA-PÉ, ABOIO, VIOLA E TODOS OS RITMOS DA NOSSA CULTURA POPULAR. O Programa "Budega Nordestina" vai ao ar todos os domingos das 07 as 09 da manhã, através das Rádios IGM FM 88.9, de Santa Cruz do Capibaribe, FAROL FM 90.5, de Taquaritinga do Norte e Capital FM 88.9, do Recife. A apresentação é de Paulo Viana e Jairo Gomes. O programa é transmitido direto da Central de Feiras de Santa Cruz do Capibaribe, Pernambuco. 


Se você quiser fazer parte deste projeto entre em contato com Paulo Viana através dos telefones (81) 9 9428-8603 e 9 9704-3456 ou fale com Jairo Gomes através do (81) 9 9415-7140 ou 9 9663-9604

Levamos entretenimento cultural e muita informação nas manhãs de domingo.


Envie informações para nossa redação pelo WhatsApp (81) 9 9428-8603.


Blog Budega Nordestina / Blog do Jairo Gomes

Por 6 votos a 1, TSE rejeita candidatura de Lula nas eleições

Por 6 votos a 1, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu na madrugada deste sábado (1º) rejeitar o pedido de registro de candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) à Presidência da República nas eleições de outubro. A decisão foi tomada a partir de 16 impugnações à candidatura apresentadas ao tribunal.

Com a decisão, Lula não poderá mais aparecer no programa eleitoral para presidente, veiculado no rádio e na televisão a partir deste sábado (1º), até que o PT faça a substituição por outro candidato. Conforme o entendimento, o ex-presidente também deverá ter o nome e foto retirados da urna eletrônica. O partido terá 10 dias para indicar o substituto. A decisão tem validade imediata porque será publicada ao término da sessão.

Os ministros ainda suspenderam a sessão durante a madrugada para definir se a sentença deveria incluir a retirada completa da propaganda do PT na TV e no rádio. Os ministros optaram, no entanto, somente pela proibição da participação de Lula como candidato, o que permite que o candidato a vice Fernando Haddad continue a fazer propaganda.

O placar da votação foi formado com base no voto do relator, ministro Luís Roberto Barroso. Para o ministro, Lula está inelegível com base na Lei de Ficha Limpa, aprovada em 2010, que veta a candidatura de quem foi condenado por órgão colegiado.

Barroso também entendeu que a recomendação do Comitê de Direitos Humanos da Organização das Nações Unidas (ONU) para que Lula participe do pleito não tem força para vincular o Judiciário do país.

O entendimento foi seguido pelos ministros Jorge Mussi, Og Fernandes, Admar Gonzaga, Tarcísio Vieira e a presidente, Rosa Weber. A ministra divergiu em parte do relator ao entender que Lula poderia participar da campanha em função do cabimento de recursos, mas ficou vencida.

Edson Fachin foi o único a votar a favor do argumentos apresentados pela defesa de Lula. Em seu voto, Fachin disse que Lula está inelegível com base na Lei da Ficha Limpa, por ter sido condenado na segunda instância da Justiça brasileira, mas, mesmo estando preso, pode concorrer nas eleições devido à recomendação do órgão da ONU.

PGR

Durante o julgamento, a procuradora-geral Eleitoral, Raquel Dodge, opinou contra a concessão do registro de Lula. Segundo a procuradora, Lula foi condenado pela segunda instância da Justiça Federal e não pode disputar o pleito.

Defesa

A defesa de Lula pretende recorrer ao Supremo para tentar garantir a presença do ex-presidente nas eleições.

Durante o julgamento, a defesa do ex-presidente afirmou que a Justiça brasileira deveria cumprir recomendação do Comitê de Direitos Humanos da Organização das Nações Unidas e liberar o registro de candidatura do ex-presidente nas eleições.

A defesa de Lula também pediu que o TSE não julgasse o pedido de registro. De acordo com o advogado Luiz Fernando Pereira, o processo não estava pronto para julgamento, porque não houve todas as manifestações finais dos que contestaram o registro. Segundo Pereira, “o julgamento é nulo” sem o rito processual que deve ser seguido.



Com Agência Brasil

Shareaholic