quarta-feira, 30 de maio de 2018

Após desmobilização de protesto, Exército fica em Suape até 4 de junho

Porto de Suape - Foto: Arnaldo Carvalho/ JC Imagem

A ação da Polícia Militar executada na madrugada desta quarta-feira (30) com ordem da justiça desmobilizou os pontos de bloqueios dos caminhoneiros no Complexo Portuário de Suape. 

A operação foi considerada um sucesso, garantiu o comandante Ely Jobson, diretor adjunto das polícias especializadas. De acordo com ele, o fator surpresa contribuiu para que caminhões fossem retirados dos acostamentos sem confrontos. 

Com a liberação da Avenida Portuária ficou fácil a saída de cargas com combustíveis e gás de cozinha que já estão abastecendo a Região Metropolitana do Recife e as demais regiões do Estado.

De acordo com a última estimativa divulgada pela PM, o número de caminhões que deixou Suape já superava 400 veículos carregados até 9h de hoje. A considerar o movimento intenso de entrada e saída de caminhões abastecidos esta quantidade é bem superior. Às 9h30, o Exército assumiu a operação de monitoramento do Complexo de Suape com 150 homens para garantir a tranquilidade da operação.

De acordo com o coronel Marcos Antônio, chefe da comunicação social do Comando Militar do Nordeste, este trabalho deve permanecer até o próximo dia 04 de junho.

Confira os detalhes no flash de Rafael Carneiro:

Greve de petroleiros

Também em Suape, petroleiros aderiram ao movimento de greve nacional de 72 horas e o funcionamento da Refinaria Abreu e Lima deve ocorrer em esquema de contingenciamento.

Rogério Almeida, coordenador do Sindipetro de PE/PB, explicou que o movimento não deve atrapalhar o abastecimento de gás de cozinha e combustíveis. 

A greve dos petroleiros apoia a paralisação dos caminhoneiros, pede a redução nos preços da gasolina, álcool e diesel, a ampliação da produção nas refinarias e a saída do cargo do presidente da Petrobras, Pedro Parente.

Em noite de viradas, Sport bate o Atlético-MG na Ilha e chega ao G4

Rogério marcou o primeiro gol do jogo Alexandre Gondim/JC Imagem

O Leão voltou a rugir alto na Ilha do Retiro. Em partida válida pela 8ª rodada do Brasileirão, o Sport recebeu o Atlético-MG e se impôs dentro de casa. Após sair na frente do marcador e sair vencendo o primeiro tempo, o time rubro-negro sofreu a virada na etapa complementar, mas não se abateu e foi em busca da virada. Com ao tento por 3 a 2, a equipe pernambucana chega a segunda vitória consecutiva e passa a brigar na parte de cima da tabela. Na 4ª colocação, equipe aguarda o complemento da rodada para saber se ficar no G4

Os gols do Leão foram marcados por Rogério, Gabriel e Michel Bastos. O Atlético descontou com Cazares e Ricardo Oliveira

Ouça os gols na voz de Roberto Queiroz


Equilíbrio no primeiro tempo

A primeira etapa na Ilha do Retiro foi muito intensa, mas com poucas finalizações das duas equipes. O Sport teve maior posse de bola e tentou se impor no começo do jogo, mas o Atlético-MG se mostrava muito eficiente no meio campo. Em termos de disputa foi muito equilibrado. Com poucas chances criadas, a rigor o Leão e o Galo tiveram uma oportunidade clara de gol. Ricardo Oliveira parou em Magrão. Em um lançamento na pequena are, o centroavante do time mineiro cabeceou com força e o arqueiro rubro-negro fez uma ótima defesa.

Muito bem postado dentro de campo, o Sport montou uma marcação alta o que dificultou as ações do Atlético. Quando a equipe alvinegra passava pela marcação, ficava de frente com outra linha de defesa. O Leão por sua vez, explorava mais os lados do campo.

Sport na frente

Na primeira chance real de gol do Sport, o time não desperdiçou. Aos 29 minutos, Rogério apareceu no meio da defesa atleticana e recebeu o passe de Anselmo. O atacante driblou Victor e só teve o trabalho de estufar as redes. Com a boa apresentação na etapa inicial, a equipe rubro-negra saiu aplaudida de campo pelos torcedores.

Virada do Galo

O Atlético-MG percebeu a maneira do Sport jogar no primeiro tempo e procurou anular as jogadas leoninas. Aos três minutos da etapa complementar, Ricardo Oliveira cruzou na medida para Luan. O atacante tentou de peixinho, mas não conseguiu empurrar para as redes e a bola sobrou para Cazares. O atleta livre, marcou o gol sem dificuldades.

No bom momento e melhor em campo após o gol, o Atlético chegou a virada com Ricardo Oliveira. Roger Guedes finalizou e Magrão deu rebote. Gustavo Blanco recuperou a bola e cruzou na área para o centroavante atleticano que sem dificuldades, virou o marcador.

Reação rubronegra

A comemoração do Atlético, durou pouco tempo. Dois minutos após levar o gol, o Leão voltou a rugir alto na Ilha do Retiro. Rafael Marques recebeu a bola e fez bem o pivô para Gabriel. O jogador mandou um foguete de fora da área , a bola desviou em Bremer e matou Victor.

Aos 24 minutos, Michel Bastos tentou cruzar na área e a bola bateu na mão de Gabriel. O arbitro assinalou penalidade. Michel Bastos cobrou com perfeição, alta, tirando de Victor. Mais uma vez o Leão estava a frente do marcador.Com vitória nas mãos o Sport segurou o ímpeto do Atlético-MG até o final do jogo para garantir os três pontos no campeonato. 

Como Fica

Com a vitória por 3 x 2, o Sport chega a 4ª colocação momentaneamente, já que a rodada ainda será concluída na quinta-feira (31). O próximo desafio do Leão será contra o Internacional em Porto Alegre (RS) no sábado (2) às 16hs. O Galo enfrenta a Chapecoense no mesmo dia, no Independência em Minas Gerais.

Ficha do jogo

Sport: Magrão; Fabrício, Ronaldo Alves, Ernando e Sander; Anselmo, Fellipe Bastos (Deivid),Gabriel e Marlone (Michel Bastos); Rogério (Carlos Henrique) e Rafael Marques. Técnico: Claudinei Oliveira.

Atlético-MG: Victor; Emerson, Bremer, Gabriel e Fábio Santos; Adilson (Elias), Gustavo Blanco (Alerrandro), Cazares e Luan (Matheus Galdezzani); Roger Guedes e Ricardo Oliveira. Técnico: Thiago Larghi.

Gol: Rogério 29/1ºT (SPO). Cazares 3/2ºT (CAM). Ricardo Oliveira 20/2T (CAM). Gabriel 22/2T (SPO). Michel Bastos 25/2T (SPO)

Público: 15.605 total.
Renda: R$ 241.945,00


Rádio Jornal Fellipe Leandro

20ª DELEGACIA DE HOMICÍDIOS APREENDE MENOR QUE PARTICIPOU DE HOMICÍDIO NA FAVELA PORTELINHA

A equipe da 20ª Delegacia de Homicídios de Caruaru, cumpriu nesta quarta-feira (30) um Mandado de Busca e Apreensão, em desfavor de um adolescente de 16 anos, que é acusado de ter participado do assassinato de, Jefferson Rodrigo da Silva, de 27 anos, que foi assassinado a tiros no dia 24 de fevereiro desse ano, na Travessa Itabaiana, na Favela Portelinha, no bairro Santa Rosa.

O delegado que investiga o crime, Dr. Márcio George, informou que o crime foi cometido por no mínimo três elementos, além do menor, havia um comparsa que já está preso, um outro que dirigia a van, que teria sido roubada e foi utilizada pelos elementos no cometimento do crime e segundo o delegado duas hipóteses estão sendo investigadas, disputa por ponto de venda de drogas, entre a vítima e esse menor que comanda o tráfico na área, ou uma possível dívida de drogas.

O menor apreendido prestou depoimento, no qual negou o crime e foi encaminhado a Funase local.


Fonte: Blog do Adielson Galvão

Operação desarticula tráfico em Arcoverde

Foto ilustrativa

A Secretaria de Defesa Social, através da Polícia Civil de Pernambuco, no âmbito do Pacto pela Vida, deflagrou na manhã desta quarta-feira (30) a Operação “Entrega Cancelada “.

É a 20ª Operação de repressão qualificada de 2018 efetuada este ano. A investigação foi realizada pela Delegacia de Polícia de Arcoverde, 19ª DESEC, Diretoria Integrada do Interior 2, sob a presidência do Delegado Henrique Paiva, com assessoria da DINTEL – Diretoria de Inteligência da Polícia Civil de Pernambuco.

A operação teve por objetivo desarticular uma organização criminosa, voltada para os crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico. Estão sendo cumpridos seis mandados de prisão e nove mandados de busca e apreensão.

Na operação são empregados cem policiais civis e militares. A Operação foi supervisionada pela Chefia da Polícia Civil de Pernambuco, coordenada pela Diretoria Integrada do Interior 2.

Os presos e os materiais apreendidos serão encaminhados para sede da 19ª DESEC. As informações preliminares da operação serão divulgadas na manhã da próxima sexta-feira, às 10h, na 19ª DESEC – Arcoverde.

Diálogo não estava mais avançando, diz governador sobre caminhoneiros

Governador afirmou que momento é de normalizar o abastecimento das cidades Felipe Ribeiro/JC Imagem

Em entrevista à Rádio Jornal, o governador Paulo Câmara afirmou que a operação policial que liberou o Porto de Suape na madrugada desta quarta-feira (30) foi necessária para garantir o direito de ir e vir da população, que estava sendo negado pelos caminhoneiros. "O diálogo não estava mais avançando", disse. "Fizemos a operação de desbloqueio de uma das entradas de Suape e, a partir desta operação, estamos com uma capacidade de escoação muito grande", afirma. Ouça a entrevista completa:

Abastecimento

De acordo com o governador, o Porto de Suape tem capacidade de receber mais de mil caminhões nesta quarta. "Hoje vai ser um dia importante porque vamos ter uma capacidade praticamente 10 vezes maior que últimos dias. O direito de ir e vir está garantido", afirmou.

 "Estamos com diálogo com os estados vizinhos para garantir o abastecimento em Pernambuco", disse. "Os serviços essenciais estão com abastecimento garantido. Tudo o que vier a mais, será para o cidadão", garantiu.

O governador Paulo Câmara fez um apelo às empresas privadas para auxiliar no restabelecimento do abastecimento, principalmente de gás de cozinha e alimentos. "As empresas que tenham os caminhões já podem enviar os veículos para Suape para que eles possam abastecer à população", pediu.

Sobre o dia de Corpus Christi, que é comemorado nesta quinta-feira (31) e geralmente é "trocado" com o do São João, o governador disse que, este ano, será ponto facultativo no Estado nesta sexta-feira (1º). "O momento é de normalizar as cidades. Colocamos o ponto facultativo na sexta, mas, diante da situação, vamos continuar trabalhando", disse. "Vamos aproveitar o feriado de amanhã, que o trânsito é mais livre, para normalizar o funcionamento das coisas", completou.


Fonte: Rádio Jornal do Recife

OPERAÇÃO DAS FORÇAS DE SEGURANÇA DE PERNAMBUCO DESOBSTRUI VIAS NO ENTORNO DO PORTO DE SUAPE

Procedimento, finalizado por volta das 3h de hoje, ocorreu de forma pacífica e vem garantindo o fluxo de caminhões-tanque com combustíveis transportados do complexo portuário

Cumprindo determinação judicial, as forças de segurança de Pernambuco realizaram, na madrugada desta quarta-feira (30), uma operação que desmobilizou os pontos de bloqueio montados pelos caminhoneiros na BR-101 Sul (altura da Vitarella) e na Avenida Portuária. Com isso, está sendo normalizado o transporte de combustível, por meio de caminhões-tanque, do Porto de Suape para as redes de postos do Estado. A operação, ocorrida entre 23h e 3h, contou com a participação de 332 homens das polícias Militar, Civil, Científica, do Corpo de Bombeiros Militar e apoio do Grupamento Tático Aéreo, sob coordenação do governador Paulo Câmara, diretamente do Gabinete de Crise instalado no Centro Integrado de Comando e Controle Regional (CICCR). A desobstrução foi pacífica, após conversa com os manifestantes, e as polícias permanecerão monitorando e ocupando essas vias para garantir o fluxo.

 "Essa foi uma operação planejada de nossas forças policiais, bem sucedida, que não teve nenhum conflito. E que vai assegurar o ir e vir do transporte de combustível, de gás de cozinha e de outras mercadorias para abastecer todo o nosso Estado. Contamos com o apoio da Justiça Federal, da Justiça do Estado, do Ministério Público, que nos ajudaram a ter esse desfecho que é importante para a população pernambucana, que vinha sofrendo com o desabastecimento. Vamos continuar trabalhando ao longo do dia de hoje e dos próximos dias para que tudo volte ao normal, no Interior do Estado e na Região Metropolitana, retomando a nossa rotina", avaliou o governador Paulo Câmara.

O secretário de Defesa Social, Antônio de Pádua, também comentou a operação. “Foi cirúrgica e rápida, do planejamento à execução, e concluída sem uso de força. Aguardamos o momento certo e empregamos Choque, Rocam, Bope, Gati , Radiopatrulha, Batalhão de Trânsito, delegados, agentes e escrivães da Polícia Civil, além dos bombeiros caso houvesse algum incidente com fogo”, disse.

Shareaholic