sábado, 7 de abril de 2018

Apac renova alerta de chuvas no Recife e interior de Pernambuco

Em Parnamirim, ruas foram alagadas - Foto: Foto: Cortesia

A Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac), renovou o alerta de fortes chuvas para o Recife nas próximas 24h. Um outro alerta havia sido emitido na última sexta-feira (6) anunciando fortes precipitações em até 24h. Com a nova notificação, o alerta se estende até o domingo. 

O alerta é válido para a Região Metropolitana do Recife e Zona da Mata Sul, Mata Norte e Agreste de Pernambuco.

Os moradores das áreas de risco devem ficar atentos as chuvas e aos riscos. A Defesa Civil do Recife pode ser acionada pelo fone 0800 081 3400.

CONFIRA O ALERTA DA APAC NA ÍNTEGRA

A previsão do tempo da Agência Pernambucana de Águas e Clima indica probabilidade acumulados significativos de chuvas com intensidade de moderada e ocasionalmente forte nas seguintes regiões: Região Metropolitana do Recife, Mata Sul, Mata Norte e Agreste

JOVEM É ASSASSINADO NO BAIRRO DO SOCORRO EM LAJEDO

Um rapaz de 18 anos foi assassinado na tarde deste sábado (7), no bairro do Socorro, no município de Lajedo, no Agreste de Pernambuco.

Alisson Lino da Silva, de 19 anos, estava em um lava jato na Rua Emanoel Joaquim Vilela, quando foi alvejado por cerca de quatro tiros possivelmente de revólver nas costas, ele tentou correr e caiu na frente de uma residência onde veio a óbito. Apesar de passar das 16h00, e a rua está movimentada, curiosos que observavam a cena do crime se limitaram a dizer que não viram nem sabiam de nada, sendo a motivação e autoria um mistério.

A Polícia Militar preservou o local do crime e o corpo foi encaminhado pela Polícia Civil para o IML de Caruaru.

Com esse sobe para 18 o número de pessoas assassinadas este ano em Lajedo.

POLÍCIA REGISTRA HOMICÍDIO EM CARUARU - PE

O 50º homicídio do ano em Caruaru foi registrado na madrugada deste sábado (07), na Rua Brindizi, próximo a Academia das Cidades, no bairro São João da Escócia e teve como vítima, o jovem, Fernando Henrique da Silva Pinto, que tinha 22 anos de idade e morava na Rua Samarino no mesmo bairro. Ele foi morto a tiros.

De acordo com informações o jovem voltava de um bar acompanhado de um amigo, de repente surgiu um homem em uma moto que sacou uma arma e atirou várias vezes contra a vítima que morreu no local e havia um veículo Fiat Uno branco dando cobertura.

Este foi o quarto homicídio registrado neste mês de abril e o corpo foi encaminhado para o IML local.


Fonte: Blog do Adielson Galvão

ANUNCIE CONOSCO


Para anunciar em nossos Programa de rádio e nosso Blog, entre em contato, entre em contato conosco:

E-mail: budeganordestina@gmail.com
Telefones: (81) 9 9428-8603 / 9 9704-3456 Zap. 9 9428-8603

Ex-presidente Lula é preso pela Polícia Federal

A prisão ocorre por conta da ação do tríplex no Guarujá, litoral de São Paulo.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva se entregou à Polícia Federal na tarde deste sábado (7), mais de 24 horas após o prazo determinado pelo juiz federal Sergio Moro. Lula permaneceu cercado de aliados no Sindicato dos Metalúrgicos, em São Bernardo do Campo, desde a noite da última quinta (5), quando foi emitido seu mandado de prisão.

Antes de deixar o sindicato, Lula discursou aos apoiadores em cima de um carro de som e disse: “eu não sou mais um ser humano. Eu sou uma ideia”. Então, voltou nos braços do povo para o prédio, onde almoçou com familiares.

De São Bernardo, Lula vai para o aeroporto de Congonhas, na zona sul de São Paulo, onde pega um avião da Polícia Federal rumo a Curitiba. Do Aeroporto Afonso Pena, um helicóptero deve levar o ex-presidente para a Superintendência da Polícia Federal na capital paranaense. Lá, há uma sala especial preparada para que Lula cumpra os primeiros dias de sua condenação por corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

Lula foi condenado em segunda instância no dia 24 de janeiro, no Tribunal Regional federal da 4ª Região, em Porto Alegre, e ainda sua pena aumentada para 12 anos e um mês de prisão. O ex-presidente foi condenado por conta da ação do tríplex no Guarujá, litoral de São Paulo, e só aconteceu por conta do encerramento da jurisdição criminal de segundo grau, ou seja, após terem sido esgotados os embargos de declaração. A decisão pela prisão, entretanto, ficou por conta da primeira instância.

A prisão ocorre dois dias após o Supremo Tribunal Federal (STF) ter negado por 6 votos a 5 o habeas corpus no qual a defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva tentava impedir a prisão após o fim dos recursos na segunda instância da Justiça Federal. Os advogados tentavam mudar o entendimento firmado pela Corte em 2016, quando foi autorizada a prisão após o fim dos recursos naquela instância. O julgamento durou cerca de onze horas.

A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, foi o voto de minerva contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, na madrugada desta quinta-feira (5). O resultado pela rejeição do habeas corpus apresentado pela defesa do petista ficou em seis a cinco. Cármen relembrou que mantém posição antiga dela na Corte, desde 2009, sobre a condenação em segunda instância.

O Superior Tribunal de Justiça, na figura do ministro Felix Fischer, e o ministro do STF Edson Fachin rejeitaram uma série de pedidos de habeas corpus interpostos pela defesa do ex-presidente e outros simpatizantes que não têm a representação legal de Lula.

A defesa de Lula argumenta que ainda haviam recursos a serem analisados pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região, os chamados “embargos dos embargos”.

1ª Tentativa de habeas corpus

No dia 30 de janeiro, a defesa do ex-presidente viu um pedido de habeas corpus ser negado horas depois de entrar com a solicitação no Superior Tribunal de Justiça. O recurso foi negado pelo ministro, vice-presidente, Humberto Martins. A tentativa dos advogados de Lula era postergar a prisão do petista.

A decisão, publicada pelo STJ, informava que o magistrado indeferiu a liminar e destacava que o recurso só poderia ser aceito “em caso de ameaça à liberdade de locomoção, isto é, sempre que fundado for o receio de o paciente ser preso ilegalmente. E tal receio haverá de resultar de ameaça concreta de iminente prisão”.

 “O ministro Humberto Martins, vice-presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), no exercício da presidência, indeferiu liminar em habeas corpus preventivo impetrado em favor do ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva. O advogado Cristiano Zanin Martins e outros pretendiam evitar a execução provisória da pena imposta pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) antes de eventual trânsito em julgado da condenação criminal”, disse o texto do Tribunal.

Relembre o julgamento em segunda instância

Os desembargadores João Pedro Gebran Neto, Leandro Paulsen e Victor Luiz dos Santos Laus, da Oitava Turma do TRF4, decidiram no dia 24 de janeiro referendar a condenação de Lula em primeira instância – sentença dada pelo juiz federal Sérgio Moro no dia 12 de julho do ano passado. Na primeira instância, Lula foi condenado a nove anos e meio de prisão pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

Na segunda instância, por três votos a zero, os desembargadores mantiveram a condenação, mas aumentaram a pena para 12 anos e um mês de detenção, em regime inicialmente fechado, e 280 dias-multa, à razão unitária de cinco salários mínimos vigentes ao tempo do último fato criminoso.

O relator do caso tríplex, desembargador Gebran Neto, disse que a culpabilidade de Lula é “extremamente elevada”, já que o petista era presidente da República na época dos fatos investigados.

De acordo com o desembargador da Oitava Turma do TRF4, o esquema de corrupção extrapolou a Petrobras e colocou em xeque a estabilidade democrática, uma vez que afetou o sistema político e eleitoral.

O revisor, Leandro Paulsen, acompanhou o voto do relator e disse não se tratar de “pequenos desvios de conduta, fragilidades morais ou sutil deterioração dos costumes. Não se trata da aplicação de uma política de tolerância zero. Não se trata de teoria das janelas quebradas. Tampouco estamos a cuidar da repressão ordinária a crimes patrimoniais”. Segundo ele, trata-se de “investigação, processamento e julgamento de ilícitos penais gravíssimos praticados contra a administração pública, contra a administração da Justiça e contra a paz pública, com prejuízos bilionários aos cofres públicos”.

O terceiro desembargador, Victor Laus, também votou pela condenação e afirmou que não estavam julgando pessoas naquele momento, mas os fatos.

 “Esses fatos envolvem o primeiro mandatário da nação. A partir do momento em que o chefe da alta administração pública federal, o primeiro magistrado da nação, se vê envolvido em fatos que se dizem ser delituosos, isso automaticamente assume uma complexidade”, pontuou Laus.
Entenda o caso tríplex

Lula e a ex-primeira-dama Marisa Letícia, morta em 2017, foram denunciados pelo Ministério Público Federal, pois seriam os verdadeiros dos donos do tríplex no Guarujá.

De acordo com a denúncia, as reformas feitas no imóvel pela construtora OAS, como a instalação de um elevador privativo, eram parte de pagamento de propina da empreiteira a Lula por supostamente ter a favorecido em contratos com a Petrobras.

Para o MPF, as reformas eram destinadas a “um cliente específico”, no caso Lula.

A acusação sustentava que haviam sido destinados a Lula R$ 3,7 milhões na aquisição e reforma do tríplex no Guarujá, sem que o ex-presidente pagasse a diferença pelo apartamento, de melhor qualidade, do imóvel que ele e a esposa pretendiam comprar no prédio. Desse valor, uma parte teria sido utilizada para o armazenamento, entre 2011 e 2016, de presentes que Lula recebeu durante os mandatos como presidente.

Na ocasião da denúncia, os advogados de Lula afirmaram que “o MPF elegeu Lula como maestro de uma organização criminosa, mas esqueceu do principal: a apresentação de provas dos crimes imputados”, argumentou a defesa.


Fonte: Rádio Jovem Pan de São Paulo

Vera Magalhães diz que “show de horrores” de Lula vai ter custo nas urnas

Vera acredita que Bolsonaro vai se beneficiar dos atos de Lula

Antes de se entregar à Polícia Federal, o ex-presidente Lula organizou um grande evento em São Bernardo do Campo, em que fez um discurso durante quase uma hora. De acordo com Vera Magalhães, em entrevista à Rádio Jovem Pan, ele não deve conseguir um ganho político com o “show de horrores” que promoveu. Pelo contrário: corre risco de prejudicar o Partido dos Trabalhadores (PT) como um todo, pois dará força para Jair Bolsonaro (PSL).

 “Agora vamos ver o ganha e perde disso. O PT pode ter um ganho imediato na base. Mas fora dela, a gente ouve fogos pelo Brasil. Fora do círculo dos militantes, as pessoas viram tudo isso atônitas. E isso vai ter um custo no partido nas urnas. O Lula esperneou, mas vai ser preso. Isso corrói seu poder de transmitir votos”, analisou Vera.

Ela também apontou quem pode ter um ganho imediato com a situação: “o ganho é do Jair Bolsonaro, que já vinha ganhando com a comoção nacional. Acho que ele tem ganho imediato com a bagunça que o PT promoveu. E vamos saber se, com a polarização cada vez maior, de um lado uma esquerda ensandecida, de outro a direita que exacerba a retórica, há espaço para um centro moderado, com pessoas dispostas a baixar a temperatura do País”.

Segundo Vera, o juiz Sergio Moro merece críticas por ter conduzido mal a forma de prisão de Lula: “ao dar um prazo para o Lula se entregar, ele acabou permitindo que o Lula promovesse esse show de horrores e bizarrices, uma missa que se mistura com um culto à personalidade”.

Vera também aproveitou para criticar o Sindicato dos Jornalistas, que não se manifestou sobre os ataques à imprensa realizados durante este sábado (7): “quero falar do absurdo que são os atos contra os jornalistas e o silêncio cúmplice e vassalo do sindicato. Foi cometido um crime em Congonhas e no sindicato dos metalúrgicos. Todos incitados à violência por políticos. Foi uma vergonha, um show de horrores e tem que ter processo autônomo e separado”.

Primo do ex-presidente Lula é morto a tiros após reagir a assalto em Garanhuns

Sandoval Ferreira da Silva, 70, era primo legítimo de Lula - Foto: Reprodução

Um homem morreu após reagir a um assalto a um bar, em Garanhuns, no Agreste de Pernambuco. Dois homens armados invadiram um estabelecimento no bairro de Heliópolis e dispararam dois tiros contra Sandoval Ferreira da Silva, 70, que chegou a ser encaminhado para o Hospital Regional do Agreste (HRA) onde passou por uma cirurgia, mas não resistiu aos ferimentos. 

Sandoval era conhecido na cidade por ser primo legítimo do ex-presidente Lula, Vavá como era conhecido, era filho de Ananias, irmão de Dona Lindu, mãe de Lula. 

Os suspeitos fugiram do local e ainda não foram presos. O corpo de Vavá se encontra no IML em Caruaru.

JOVEM DE 15 ANOS MORRE AFOGADO NO CARIRI PARAIBANO

Foto: Ilustrativa 

Um jovem identificado como José Juliano, de apenas 15 anos, morreu no início da tarde deste sábado (07) quando tomava banho numa barragem próximo ao bairro Frei Damião no Município de sumé no cariri paraibano.

A vítima é morador da Vila dos Chaves. As circunstâncias do afogamento ainda estão sendo confirmadas pela Polícia Militar que está no local.


Mais informações em instantes!

Lula deixa sindicato no ABC; acompanhe ao vivo - 07-04-2018

Manifestantes impedem saída de Lula do Sindicato dos Metalúrgicos

Apoiadores de Lula impedem saída do ex-presidente para se entregar a PF - Foto: Mídia NINJA e Tuane Fernandes / Mídia NINJA

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi impedido de deixar o Sindicato dos Metalúrgicos, no ABC Paulista, por manifestantes que cercam o prédio. Em um carro, Lula tentou deixar o local mas um tumulto não permitiu a passagem do petista. A expectativa é de que ele se apresente na sede da Polícia Federal, em Curitiba, ainda no final da tarde deste sábado (7). 

LULA DISSE QUE IRIA SE ENTREGAR

Uma negociação realizada ontem dava conta da entrega do ex-presidente Lula à PF após a missa realizada em homenagem a Marisa Letícia, ex-esposa de Lula que faleceu no ano passado. O petista discursou por 50 minutos, se disse inocente, mas confirmou que se entregaria às autoridades.

 "Eu vou atender o mandato deles e vou atender pois quero fazer a transferência de responsabilidade. Minha idade é para enfrentar eles olho no olho. Quero saber quantos dias vão pensar que estão me prendendo e, na verdade, estão criando mais lulas nesse país. Estou fazendo uma coisa muito consciente. Eu não to escondido, eu vou lá na barba deles, para saberem que eu vou provar a minha inocência", disse Lula em discurso realizado no final da manhã de hoje.

DOIS HOMENS FORAM EXECUTADOS NA ZONA RURAL DE CAPOEIRAS

Dois homens foram executados entre a noite desta sexta-feira (6) e madrugada deste sábado (7), no Sítio Mimosos na zona rural do município de Capoeiras, no Agreste de Pernambuco.

Os corpos foram encontrados pela manhã em uma estrada vicinal, um popular achando que era um acidente acionou o Samu, os socorristas observaram que as lesões eram provocadas por disparos de arma de fogo de grosso calibre e acionaram a PM, na cena do crime foram encontradas cápsulas de espingarda calibre 12 e pistola 380.

As vítimas foram identificadas como, José Antônio da Silva, de 24 anos e Rogério de Siqueira Matias, de 31 anos, eles moravam em uma localidade próxima e segundo informações de familiares foram arrastados por elementos armados de dentro da casa de José Antônio.

A cena do crime foi preservada pela Polícia Militar e os corpos encaminhados pela Polícia Civil para o Instituto de Medicina Legal (IML) de Caruaru.


Fonte: Portal Agreste Violento

UM ATROPELAMENTO FOI REGISTRADO EM SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE


Fotos Grupo do Whatsapp.

Um homem foi vitima de atropelamento na noite de ontem sexta-feira 06 de abril de 2018, no perímetro urbano da PE-160, em Santa Cruz do Capibaribe, no Agreste Pernambucano, Segundo informações, a vítima foi Antônio do Nascimento Santos, mais conhecido por “Toinho Mecânico” (41 anos) estava atravessando a via, onde foi atropelado por um condutor que estava em um veiculo não identificado. e que e seguida fugiu do local em alta velocidade, sem prestar socorro. O mecânico foi socorrido pelo Samu para a UPA de Santa Cruz, onde a equipe médica realiza os procedimentos.

Uma pessoa morre e três ficam feridas em rompimento de estrada no Cariri paraibano

Uma pessoa morreu e três ficaram feridas em um rompimento da rodovia que liga a cidade de Riacho de Santo Antônio, na manhã deste sábado (7), no Cariri paraibano.

Um produtor rural identificado por Zé Pacas, não viu o rompimento da pista e morreu na hora. Outras três pessoas ficaram feridas e foram socorridas para o Hospital de Trauma de Campina Grande.


Com Informações de Bruno Lira do Portal de Olho no Cariri

MASSAS & CIA

Lula diz que vai se entregar à PF e garante inocência: "Não sou humano, sou uma ideia"

Lula falou por mais de 50 minutos em frente a sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC Paulista - Foto: Ricardo Stuckert/Instituto Lula

Pela primeira vez após ter o pedido de Habeas Corpus negado pelo STF e um mandado de prisão expedido contra ele, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva fez um pronunciamento oficial de mais de 50 minutos em São Bernardo do Campo, no ABC Paulista, onde está alocado com militantes e companheiros políticos. Lula disse viver os melhores momentos de sua carreira política, e considerou o juiz Sérgio Moro, o Ministério Público e a imprensa os 'verdadeiros criminosos'. 

"Estou sendo processado e tenho dito claramente: sou o único processado por um apartamento que não é meu. A PF da lava jato mentiu que era meu, o MP mentiu dizendo que era meu, o Globo mentiu dizendo que era meu e o Moro mentiu dizendo que era meu. Já fiz muita coisa com meus 72 anos, mas não os perdoo. Passaram para a sociedade a ideia de que sou um ladrão. Deram a primazia para ser chamado de petralha, negando a política desse país. Nenhum deles tem coragem ou dorme com a consciência tranquila com a honestidade como eu", disse Lula. 

O ex-presidente também confirmou que vai se entregar a Polícia Federal, garantindo a crença de se provar inocente. "Quero saber quantos dias vão pensar que estão me prendendo e, na verdade, estão criando mais 'Lulas' nesse país. Estou fazendo uma coisa muito consciente. Eu não to escondido, eu vou lá na barba deles, para saberem que eu vou provar a minha inocência. Façam o que quiser. Os poderosos podem matar uma ou duas rosas, mas jamais conseguirão deter a chegada da primavera. Não adianta pensar que eu vou parar. Não parei pois sou uma ideia e não um ser humano", afirmou Lula. 

Ainda sobre a acusação, Lula pediu que a justiça o julgue pelos autos do processo. "O problema é que você não pode fazer julgamento subordinado a imprensa. No fundo você destrói a imagem das pessoas e o juiz diz que não pode ir contra a opinião pública. Quem quiser votar com a opinião pública seja condidato, escolha um partido e largue a toga. O cidadão tem que votar com base apenas nos autos do processo. Ministro da Suprema Corte não deveria dar declaração para votar. Nos EUA isso não acontece. O juiz tem que ter a cabeça mais fria, responsabilidade", disse Lula.

VEJA O PRONUNCIAMENTO DE LULA NA ÍNTEGRA:

UMA MULTIDÃO DESPEDIU-SE DO EX-VICE PREFEITO ZÉ ELIAS, EM SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE - PE


Na tarde de ontem sexta-feira dia 06 de abril de 2018, foi sepultado, no cemitério São Judas Tadeu, em Santa Cruz do Capibaribe Agreste Pernambucano, o corpo do ex-vereador e ex vice-prefeito José Elias Filho, ou simplesmente Zé Elias (PSDB).

Ele faleceu no Hospital Santa Joana, onde seguia fazendo tratamentos médicos. Zé Elias, vinha lutando contra um câncer no pâncreas, descoberto em novembro de 2017, 

O corpo foi velado, durante todo o dia de ontem sexta-feira, na Câmara de Vereadores, onde milhares de pessoas passaram para prestar homenagens. 

A chegada do corpo ao cemitério também foi marcada por homenagens, que se seguiram até os últimos momentos do sepultamento.


Após o sepultamento, foi a vez de amigos próximos e familiares foram se despedir, de forma mais intimista, do corpo, ficando eles debaixo de uma leve chuva.

BIOGRAFIA


José Elias Filho, “Zé Elias” (70 anos), nasceu em 25 de julho de 1947, no Sítio Poço da Lama, zona rural de Santa Cruz do Capibaribe. Desde criança, ele começou a ajudar o pai em feiras e na roça.

José Elias estudou no Grupo Ernesto Moraes, que ficava localizado no atual bairro Malaquias Cardoso e no antigo Ginásio Padre José Aragão, conhecido como Colégio Cenecista.

Em Santa Cruz do Capibaribe, quando chegou ainda com 11 anos de idade, residiu na Rua Grande até os 24 anos, quando se casou com Dona Nailde, e tiveram 4 filhos.

Zé Elias foi comerciante e viajava para vender Sulanca em algumas cidades do Nordeste. Anos depois, ele conseguiu abrir um Armazém, foi onde surgiu o apelido de “Zé da Fuba”, pois todas as segundas-feiras separava 20 fardos de fubá e distribuía para a população, quando cerca de 200 pessoas eram contempladas.

Primeira eleição disputada, 1996.

Na sua carreira política, ele contabilizou algo único no município, ser vice-prefeito por três mandatos e com três gestores diferentes: Ernando Silvestre (1996), José Augusto Maia (2004) e Toinho do Pará (2008).

O seu último cargo público, foi em 2012, quando foi eleito um dos 17 representantes na Casa José Vieira de Araújo (Câmara de Vereadores), posto que ocupou até 31 de dezembro de 2016.

No ultimo dia 14 de fevereiro de 2018, Zé Elias concedeu a sua ultima entrevista ao repórter Jairo Gomes, que foi veiculada no blog do Jairo Gomes, Blog Budega Nordestina e No Program Cidade em Ação pela a rádio IGM FM 88,9.


Confira a entrevista clicando no link abaixo:


Das pessoas que acompanharam o cortejo o que se ouviu foram adjetivos louvando a pessoa e seu caráter. Zé Elias, que foi vice-prefeito por três mandatos, era admirado por Taboquinhas e Bocas Pretas. Disputou pelas duas alas políticas da Terra das Confecções.

Policias Civil e Militar realizam operação Águas de Abril em Boqueirão para combate de tráfico de drogas e posse de armas

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Boqueirão, juntamente com a Polícia Militar (3 CIPM), deflagrou na manhã da ultima quinta-feira(05), a operação policial Águas de Abril, com o fim de dar cumprimento a sete mandados de busca e apreensão para o combate ao tráfico de drogas e posse de armas de fogo em imóveis situados no município de Boqueirão.

Vinte e nove policiais da Polícia Civil e Polícia Militar atuam na operação. Foram apreendidas três espingardas, farto material e aparato para confecção de munição.

Os procedimentos estão sendo encaminhados para a Delegacia de Boqueirão, e o Delegado Cláudio Manoel está responsável pela operação.

Indignação vai deixar o ambiente tenso, afirma Humberto Costa sobre prisão de Lula

Senador Humberto Costa conversou com a Jornal sobre a prisão de Lula - Foto: Igo Bione/JC Imagem

O senador pelo PT, Humberto Costa, afirmou que a prisão de Luiz Inácio Lula da Silva poderá deixar o ambiente tenso no ABC Paulista, local onde o ex-presidente está reunido com militantes desde o momento que sua ordem de prisão foi expedida pelo juiz Sérgio Moro, na última quinta-feira (5). Humberto também garantiu que a preocupação atual da cúpula da sigla é fazer com que Lula fique preso por pouco tempo. 

 "Não será algo fácil. A indignação da população e dos militantes vai tornar o ambiente bastante tenso. Mas o Lula sempre pregou o respeito as instituições, ele vai cumprir, porém sem deixar de protestar. Nesse momento, a única preocupação é fazer com que essa prisão dure o mínimo possível. Que façamos uma mobilização nacional e internacional para mostrar que essa foi uma decisão arbitrária e seletiva", disse Humberto Costa em entrevista à Rádio Jornal, na manhã deste sábado (7), enquanto se deslocava para São Bernardo do Campo, local onde Lula se reúne com militantes. 

Humberto também confirmou que o ex-presidente deve se entregar após a missa em homenagem aos 68 anos de Marisa Letíca, esposa de Lula que faleceu no ano passado. O senador afirmou que reuniões acontecerão com a cúpula do partido para definir quem será o porta-voz do líder petista na prisão.

 "Ao chegar lá devo ter reuniões para acertar detalhes. Vamos ver quem vai funcionar como porta-voz de Lula enquanto ele estiver nessa situação de constrangimento e também os próximos passos para as condições de viabilização da candidatura dele", afirmou Humberto. 

CONFIRA A ENTREVISTA DE HUMBERTO COSTA NA ÍNTEGRA

Fonte: Radio Jornal Recife

HILÁRIO PAULO: "O PREFEITO É HILÁRIO, DR EDSON É MEU SECRETÁRIO DE SAÚDE"

No ultimo dia 30 de Março de 2018, Em entrevista ao Blog do Jairo Gomes e ao Programa Cidade em Ação da rádio IGM FM 88,9 o prefeito Hilário Paulo (PSD), do Brejo da Madre de Deus, falou dos desafios do primeiro ano de mandato e do planejamento do seu governo para 2018, falou também das eleições deste ano e que pretende unir seu grupo em torno de um só nome para deputado estadual. Hilário reafirmou seu compromisso em direcionar grande parte do orçamento para o Distrito de São Domingos e disse que quem manda no governo é ele, rebatendo a quem acha que quem realmente governa o Brejo é o ex-prefeito e atual secretário de saúde Dr Edson Souza.


Confira a entrevista clicando no link abaixo:

Shareaholic