sexta-feira, 23 de setembro de 2016

MOTOQUEIROS MATAM AGRICULTOR A TIROS EM MANIÇOBA – CAPOEIRAS/PE



Um agricultor de 51 anos foi assassinado a tiros na noite desta sexta-feira (23/9) no Povoado de Maniçoba em Capoeiras/PE.

De acordo com a Polícia Civil, dois elementos utilizando uma motocicleta na cor preta teriam surpreendido o agricultor com disparos de arma de fogo, quando ele conversava com um amigo por trás da igreja, no momento que acontecia uma missa.

Ainda segundo a polícia, os bandidos teriam efetuado cerca de 4 disparos de revólver calibre 38, que acertaram rosto e costas de Daniel Lopes da Silva que era morador do Sítio Barra do Gurjão, em São Bento do Una/PE. Cigano, com ele era conhecido naquela região, vinha de sua propriedade na zona rural em sua motocicleta e logo ao adentrar no povoado, foi emboscado pelos assassinos, que logo após a prática do crime fugiram em disparada com destino ignorado e não foram capturados pela polícia.




Cigano, era bem quisto na localidade, porém a polícia investiga a possibilidade de vingança, haja vista ele ter dado refúgio a seu irmão Célio Lopes da Silva, vulgo “NEM”, 38 anos, após ele ter praticado um duplo homicídio no município de Jucati em 22/02/2015, onde foram assassinados tio e sobrinho. O Nem, foi preso no final do mês de maio-2016, na casa do Cigano, após uma operação montada pela Polícia Militar. Cigano também foi levado a delegacia e autuado em flagrante por posse de munição e arma branca.

O crime desta sexta-feira será investigado pela delegacia de Capoeiras/PE.




O corpo de Daniel Lopes foi encaminhado para o IML de Caruaru, após levantamento efetuado pela equipe do DEAH – Departamento Especial de Apuração de Homicídios, da 18ª DESEC – Garanhuns.

Relembre o caso:

CAPOEIRAS: POLICIA MILITAR MONTA OPERAÇÃO E PRENDE SUSPEITO DE PRATICAR HOMICIDIO EM JUCATI.




Após receber um Disque Denúncia que fazia referência a possíveis pistoleiros de alta periculosidade, os quais estariam morando na zona rural de Capoeiras, 
foi montada uma Operação na madrugada deste sábado (28), onde após diligências com as Equipes de Inteligência, Operações, Malhas da Lei e Patrulha Rural do 9º BPM, foram presos no Sítio Barra do Gurjão, zona rural do município de Capoeiras, os indivíduos Célio Lopes da Silva, vulgo “NEM”, 38 anos, o qual estava com o Mandado de Prisão em aberto, pela acusação da pratica de duplo homicídio e tentativa no município de jucati.



Foi preso ainda seu irmão Daniel Lopes da Silva, vulgo “CIGANO”, 50 anos, por posse de duas munições calibre 38 e uma arma branca. No momento da ação policial “NEM” tentou evadir-se pelos fundos da residência, mas foi alcançado e preso.

Eles foram conduzidos e apresentados na 18ª Delegacia Seccional de Garanhuns para as medidas cabíveis.

RELEMBRE O CASO

MADRUGADA VIOLENTA EM JUCATI, TIO E SOBRINHO FORAM ASSASSINADOS A TIROS



A madrugada do ultimo domingo (22) foi marcada pela violência na zona rural de Jucati no Agreste pernambucano.


Tio e sobrinho participavam de uma festa de aniversario no Sítio Banquete, quando houve um desentendimento com um elemento identificado como Célio Lopes da Silva, Vulgo “Nem”, ele armado efetuou disparos de arma de fogo contra as vítimas o agricultor Mauricio Rolim Silvestre, 31 anos e seu sobrinho Manoel Messias da Silva de 16 anos, que foram alvejados na região da cabeça.

De acordo com a polícia, a vítima Mauricio estava residindo na localidade a cerca de 15 dias trabalhando em uma granja, a motivação do crime teria sido por Célio não gostar da presença da vítima que antes residia em Caetés.

Célio Lopes é um elemento temido na localidade, já cumpriu pena pela prática de homicídio e após assassinar tio e sobrinho ameaçou outros populares de morte, o mesmo é procurado pela polícia e qualquer informação que leve a seu paradeiro deve ser repassada a polícia através do 190.

SUSPEITO DE TRÁFICO DE DROGAS É PRESO PELA PRF POR PORTE ILEGAL DE ARMA


Agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) prenderam na madrugada desta sexta-feira (23), na BR-104, em Murici, um homem por porte ilegal de arma de fogo. Ele possuía diversas passagens pela polícia por tráfico de drogas e estava muito exaltado durante a abordagem.

Era mais de meia-noite, quando uma equipe da PRF fazia o policiamento ostensivo na região e decidiu abordar o veículo GM/ Cruze de cor branca, placa de Recife/PE. O motorista demonstrou bastante nervosismo durante a ação, e ao proceder com a revista pessoal os agentes encontraram em sua cintura um revólver calibre 38 carregado com seis munições.



Após consultas, os policiais verificaram que o indivíduo, natural de Sergipe, acumulava diversas passagens pela polícia por tráfico de drogas. Já havia sido preso em São Paulo, e duas vezes em Sergipe por transportar maconha e cocaína. Ele vinha de Garanhuns para Maceió, acompanhado de uma mulher.

O homem, de 29 anos, foi preso por porte ilegal de arma de fogo e encaminhado à Delegacia de São José da Laje.

Shareaholic