sexta-feira, 13 de novembro de 2015

Dois médicos, vereador e mais seis pessoas foram presas em Pernambuco.

Grupo desarticulado na 'Hipócrates' extorquiu R$ 5 milhões de pacientes. Organização captava pacientes para cirurgias sem necessidade, diz polícia.

A organização criminosa desarticulada na "Operação Hipócrates" cobrava de R$ 4 a R$ 12 mil por cirurgia em cada paciente e extorquiu aproximadamente R$ 5 milhões das vítimas nos últimos dois anos, em Pernambuco, segundo a Polícia Civil. Dois médicos, um vereador e mais seis pessoas foram presas nesta quarta-feira (11). O grupo é suspeito de captar pacientes na rede pública para "realização de cirurgias sem indicação de necessidade" na rede privada.


Dos nove mandados de prisão emitidos pela Justiça, apenas um não foi cumprido e o suspeito está foragido. A Polícia Civil divulgou o resultado da ação na tarde desta quarta-feira, em uma coletiva de imprensa no Recife.


Material apreendido na Operação Hipócrates, da Polícia Civil (Foto: Reprodução/Polícia Civil)

A operação objetivou prender suspeitos de corrupção ativa e passiva, tráfico de influência, lesão corporal e de integrar uma organização criminosa. As buscas foram realizadas em Caruaru, Agrestina, São Caetano, Tacaimbó e no Recife. A investigação teve início em julho deste ano e durante as buscas nesta quinta-feira foram apreendidos um revólver calibre 38, dez computadores e vários documentos, que ainda serão analisados pela polícia.

De acordo com a Polícia Civil, as pessoas investigadas na operação são suspeitas de captação de pacientes na rede pública de saúde para atendimento na rede privada, atraso na prestação de serviços para estimular o pagamento indevido de valores pelos pacientes e familiares, utilização de material cirúrgico além da quantidade prescrita e realização de cirurgias sem indicação de necessidade.

O líder do grupo é suspeito de atuar na captação de pacientes, tráfico de influência e cobrança indevida de valores para serviços públicos. Seis envolvidos são suspeitos de captação de pacientes. Um deles é considerado foragido da polícia.

O médico Pablo Thiago Cavalcanti é suspeito de realizar cirurgias na rede privada com pacientes da rede pública, de procedimentos cirúrgicos sem indicação de necessidade e uso de material ortopédico além do prescrito. O médico Bartolomeu Bueno Motta é suspeito de corrupção passiva. Ambos atuavam no Hospital Regional do Agreste (HRA), em Caruaru.

Outro médico e uma servidora de saúde receberam mandado de condução coercitiva. Ele é suspeito de realizar cirurgias de na rede privada com pacientes da rede pública, enquanto ela é suspeita de captação de pacientes.
Polícia conclui 'Operação Hipócrates', em Caruaru (Foto: Joalline Nascimento/ G1)

Médicos presos

Os médicos Bartolomeu Motta e Pablo Thiago foram presos nesta quarta-feira (11) e já estão na Penitenciária Juiz Plácido de Souza em Caruaru, no Agreste de Pernambuco. Eles estão na mesma cela, que tem televisão e cama, de acordo com a direção da unidade prisional. Os advogados dos suspeitos informaram que, por enquanto, não irão se pronunciar sobre o assunto, pois estão tendo acesso aos autos.

Cremepe e Simepe

O G1 entrou em contato com a assessoria de imprensa do Conselho Regional de Medicina de Pernambuco (Cremepe). Mas, até o momento da publicação desta matéria, não houve resposta. OG1 também conversou com diretor regional do Sindicato dos Médicos de Pernambuco (Simepe), Paulo Maciel. Ele informou que não irá se pronunciar até obter mais informações sobre o caso.

Entenda o caso

Clínicas, consultórios médicos e casas do Agreste e do Recife, além do Hospital Regional do Agreste (HRA) e um hospital particular de Caruaru, foram os lugares abordados pelos policiais. Participam da operação 100 policiais civis, entre delegados, agentes e escrivães.

Com Informações do G1 Caruaru

AÇOUGUEIRO É PRESO APÓS QUEBRAR VIDROS PORTA DA COMPANHIA DA POLÍCIA MILITAR DE ÁGUAS BELAS

Um homem foi preso na tarde da quinta-feira (12), após chutar e quebrar os vidros da porta do prédio da 4ª Companhia da Polícia Militar, no local também funciona a Delegacia de Polícia Civil.
Embriagado Claudevan Ferreira dos Santos, açougueiro, 34 anos, foi preso, conduzido ao plantão da 18ª Delegacia Seccional de Garanhuns e autuado em flagrante por danos ao patrimônio público.

CAMINHONEIRO É ENCONTRADO MORTO DENTRO DE CARRETA NA ZONA RURAL DE IATI

Quem passava na tarde de quinta-feira (12) em trecho da BR-423 na área rural do município de Iati no Agreste, ficou impressionado com a morte de um caminhoneiro, o trabalhado de 48 anos, identificado como Manoel Rodrigues, conduzia uma carreta de placas KDH-8522, quando estacionou o veículo no acostamento e possivelmente sentiu-se mal, horas depois populares resolveram acionar a Polícia Militar devido ao tempo em que a carreta estava lá parada.
Os PMs ao chegarem no local foram surpreendidos com a vítima dentro do veículo sem vida , o corpo de Manoel não apresentava nenhuma marca de agressões. Acionada a Polícia Civil compareceu ao local e encaminhou o corpo para o IML na cidade de Caruaru.

BEPI DEBELA PONTO DE TRÁFICO EM CARUARU-PE

Na noite de quinta-feira (12/11), após receber informações de populares sobre um indivíduo que estava traficando maconha na Rua Marques de Abrantes, bairro Salgado, na cidade de Caruaru-PE, uma equipe do BEPI realizou deslocamento ao endereço informado, chegando à residência de Antônio de Oliveira, 64 anos, onde conseguiu localizar e apreender quatro papelotes de maconha; um pacote contendo uma porção grande da mesma droga; R$ 20,00 em espécie; US$ 06,00 (seis dólares) em espécie; dois celulares e uma câmera digital.

Ainda segundo a polícia, o detido e o material apreendido foram encaminhados à delegacia de plantão da cidade de Caruaru, para as providências legais cabíveis.

POLÍCIA CIVIL IDENTIFICA ELEMENTOS QUE VIOLARAM TUMULO DO CEMITÉRIO DE FAZENDA NOVA NO AGRESTE DE PERNAMBUCO


A Delegacia de Polícia de Brejo da Madre de Deus conseguiu identificar os cincos elementos que aparecem em um vídeo divulgado no Blog Agreste Notícia.



As imagens foram registradas por um dos envolvidos na véspera do dia de finados, onde além de fazer apologia às drogas, um deles segura uma cruz arrancada de uma das sepulturas. Clique AQUI e relembre.

Além da desordem e falta de respeito com a memória das pessoas já falecidas, os vândalos cometeram crime de violação de tumulo que pode acarretar em pena de 1 a 3 anos de reclusão.

Foram intimados a prestarem esclarecimentos José Adriano da Silva Bezerra Júnior, vulgo “Adrianinho”, de 22 anos; Thalysson Dionísio da Silva, de 19 anos e Alex Nogueira do Nascimento, de 21 anos; José Ronaldo da Silva, de 28 anos e Edivan José da Silva, de 21 anos de idade.

Os irmãos José Ronaldo e Edivan José não obedeceram à intimação. Todos eles foram indiciados pelos crimes de Dano ao Patrimônio Público e Apologia ao Crime.

Assista o vídeo:

Em Caruaru bandidos si da mal em troca de tiros com a policia

Um homem de 31 anos e um menor praticaram assaltos em Caruaru, na madrugada desta sexta-feira (13). A ação deles, que estavam em uma motocicleta, começou na Praça Nova Euterpe, quando assaltaram um casal. Em seguida, eles tentaram assaltar um homem que estava em um carro e efetuaram disparos contra a vítima.
A polícia foi acionada, houve perseguição e troca de tiros entre os bairros Boa Vista, João Mota e Bairro Kennedy. O menor foi baleado e socorrido para o Hospital Regional do Agreste. Ele estava em companhia de Elton Bezerra da Silva, 31 anos, que foi preso. Com a dupla, os policiais apreenderam vários celulares.

Santa Cruz do Capibaribe lança Sistema de Informação da Mulher

Na manhã de quinta-feira (12), aconteceu na Praça do CEU (Centro de Artes e esportes Unificados) em Santa Cruz do Capibaribe, o lançamento do projeto ‘Sistema de Informação da Mulher’.

O programa consiste em fortalecer a Rede de Atendimento à Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar no município. É um sistema de armazenamento de dados on-line, será utilizado para cadastrar as ocorrências de violência contra mulheres com acompanhamento de todos que fazem parte desse plano, tais como: Coordenadoria e Centro de Referência da Mulher, Polícias Civil e Militar, Hospital Municipal e as Secretarias de Saúde e Cidadania Inclusão Social.
A ação é pioneira em Pernambuco e com base no modelo santa-cruzense, a Secretaria da Mulher de Pernambuco vai construir também o seu sistema, além incentivar outras prefeituras a trabalharem compartilhando dados de forma integrada.

Além do acompanhamento de casos, os dados do sistema também servirão de base para a Coordenadoria da Mulher e a Secretaria de Cidadania e Inclusão Social nortearem as ações e políticas para o segmento.

Ministério da Saúde declara estado de emergência sanitária nacional

O Ministério da Saúde vai declarar nesta quarta-feira (11), estado de emergência sanitária nacional em razão de um surto de bebês com microcefalia identificado em Pernambuco. A doença se caracteriza pela má formação que causa sérias deficiências de desenvolvimento. 

Até o momento, foram notificados 141 casos em 55 cidades. O número é 15 vezes superior à média apresentada no período de 2010 a 2014, que era de nove casos por ano. Existem ainda notificações no Rio Grande do Norte e na Paraíba, mas em menores proporções. 

Luciane Albuquerque, secretária executiva de Vigilância em Saúde do estado, explicou que os profissionais de saúde começaram a observar um aumento no número de casos. “A gente começou a elaborar um protocolo clínico e epidemiológico para orientar os profissionais de saúde nas unidades de saúde ao que fazer quando se depararem com um caso desse”, destacou. 

O protocolo orienta os profissionais no sentido de quais exames devem ser feitos, tanto de imagem e quanto laboratorial, e quais medidas devem ser tomadas, além de para onde devem ser encaminhados os pacientes.   

A partir da decretação de emergência nacional, um grupo de especialistas vai ser formado para investigar as causas do aumento do número de casos. Uma das suspeitas da equipe que investiga o surto é a contaminação da mãe pelo Zika vírus, transmitido pelo Aedes aegypti, o mesmo mosquito que provoca a dengue.

Operação Sem Juros apreende mais de R$ 1 milhão com agiotas

Foto: Lélia Perlim/ Rádio Jornal

A Polícia Civil deflagrou a Operação Sem Juros e conseguiu apreender com sete suspeitos de praticar agiotagem nas cidades de Igarassu, Itamaracá e Paulista, na Região Metropolitana do Recife, mais de R$ 1 milhão em dinheiro e cheques. 

Três dos envolvidos chegaram a ser presos em flagrante por porte ilegal de arma, mas já foram liberados, mediante pagamento de fiança, no valor de R$ 27 mil, cada um. 

As casas e os estabelecimentos comerciais, pertencentes aos alvos investigados há sete meses foram vistoriados nessa quarta-feira (11) em cumprimento a oito mandados de busca e apreensão. 

Entre os suspeitos, há dois policiais: um sargento militar reformado e um agente da Polícia Civil, que trabalha em Araçoiaba. Este segundo não foi afastado do cargo. Há ainda um servidor público de Igarassu que fazia parte desse grupo. 

Delegado Aldir Almeida, titular da Delegacia de Igarassu, explicou que as informações estavam sendo investigadas há um certo tempo e que as pessoas que pegaram dinheiro com o grupo denunciaram a prática. Segundo o delegado, os agiotas ficavam com cartões das vítimas, inclusive do Bolsa Família, para garantirem o pagamento da dívida. Além disso, carros e imóveis também eram utilizados como pagamento.

O telefone de contato para denúncias é o (81)3184.3488.

NESSE VALE A PENA CONFIAR!

Policial perde o controle da moto e sofre lesão no joelho durante perseguição

Na noite da ultima quarta-feira (11), o efetivo da ROCAM realizava rondas na Passagem Molhada do Rio verde, em São Domingos, distrito de Brejo da Madre de Deus.

Na ocasião, o policiamento percebeu um veículo transitando em atitude suspeita, ao visualizarem a presença da viatura, os condutores empreenderam fuga e, durante o acompanhamento aos suspeitos, o policial Machado, perdeu o controle da motocicleta e caiu.

O policial foi socorrido e encaminhado para o hospital municipal, que foi atendido e constatou que ele teria sofrido uma lesão no joelho direito.

Por causa de chuva forte em Buenos Aires, Argentina x Brasil é adiado

Foto: Reprodução/Internet

O jogo entre Brasil e Argentina, que seria disputado nesta quinta-feira (12), foi adiado para a sexta (13). O motivo foi a forte chuva em Buenos Aires, que começou às 13h e durou toda a noite.

O gramado do estádio Monumental de Nuñez estava bastante alagado e, apesar da drenagem do campo, o juiz entendeu que não havia condições de a partida ser realizada. O horário será o mesmo: 21h.

E o Escrete de Ouro não deixará de acompanhar o jogo. A narração será de Roberto Queiroz, o Garganta de Aço, com os comentários de Maciel Júnior e Ralph de Carvalho. O repórter José Silvério trará os detalhes dos lances, e o plantão será feito por Marcelo Araújo.

NESSE VALE A PENA CONFIAR!

Shareaholic