sábado, 4 de julho de 2015

RAPAZ DE 20 ANOS É ASSASSINADO A FACADAS, NO CENTRO DE GARANHUNS/PE

Um jovem de 20 anos foi assassinado por volta das 8h50m deste sábado (04/07), no Centro da cidade de Garanhuns, no Agreste pernambucano. De acordo com a Polícia Militar, o homem foi identificado como sendo, Anderson Aluísio de Sousa, de 20 anos, morador do bairro São José, em Garanhuns. Ele foi assassinado com um golpe de faca peixeira que atingiu o lado esquerdo do peito. A vítima, costumava ingerir bebida alcoólica e arrumava muita confusão em vias de fato.

Ainda de acordo com a PM, o assassinado que não foi identificado fugiu em uma mototaxi, logo após a prática do crime. A motivação do crime não foi informada.

Amigos de Anderson disseram à polícia que aos sábados ele trabalhava como flanelinha, na Praça Dom Moura, atrás do Centro Cultural, também no Centro de Garanhuns, mas durante a semana o mesmo exercia a profissão de Pedreiro.

A principio, Anderson teria sido esfaqueado no local onde trabalhava, posteriormente saiu correndo em direção ao prédio do INSS, vindo a óbito no pátio de um posto de combustível. Na hora do crime havia bastante movimentação de pessoas no local, o que pode ajudar na identificação do criminoso.

Por não haver plantão da Polícia Civil em Garanhuns, devido os policiais civis terem entregue as escalas extras do PJES, o corpo permanece no local sem hora prevista para ser removido. Há informações que policias civis da cidade de Caruaru venha realizar o levantamento cadavérico. Com isso, a família do rapaz, praticamente já velam o ente no local do crime.

Corpo é removido após 08 horas de espera!

Descaso deve continuar durante o final de semana.

Segundo informações, corpo foi liberado sem a presença da Polícia Civil no fim da tarde deste sábado.

Preços da carne do suíno registram alta em junho

Os preços do suíno vivo e da carne subiram em junho, recuperando as perdas registradas em maio, segundo informações do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada da USP, o Cepea. Segundo pesquisadores do centro, o aumento da demanda e o volume ofertado relativamente baixo foram os principais motivos para as reações nos preços. Apesar disso, as cotações médias de junho ficaram abaixo das registradas no mesmo período do ano passado, em termos reais. Nesta quinta-feira, os indicadores do quilo do suíno vivo registram leve queda. Os valores cobrados à vista são de R$ 3,56, em Minas Gerais, de R$ 3,10, no Paraná, de R$ 2,99, no Rio Grande do Sul, de R$ 3, em Santa Catarina, e de R$ 3,44, em São Paulo. Nesta quinta-feira, os preços da arroba do boi gordo estão estáveis. Em São Paulo, o valor é de R$ 143,71. No oeste do Maranhão, no sudoeste de Rondônia e no norte de Tocantins, a arroba sai a R$ 128, e no sudeste do Mato Grosso, custa R$ 133. E o frango congelado tem leve baixa nesta quinta. Em São Paulo, o quilo do produto tem o valor de R$ 3,38. Em Ponta Grossa, Paraná, sai a R$ 2,35. Já os preços do quilo do frango vivo são de R$ 2,45, no Rio Grande do Sul, e de R$ 2,35, no Paraná. As informações são do Cepea e do Canal Rural.

SÍNDICO DO MODA CENTER REFORÇA PEDIDO A PAULO CÂMARA PARA DESTRAVAR DUPLICAÇÃO DA BR-104


Aproveitando a visita técnica do governador Paulo Câmara à construção da Cadeia Pública de Santa Cruz do Capibaribe, na manhã da quinta-feira (02), o síndico do Moda Center Santa Cruz, Allan Carneiro, renovou a solicitação, feita no último dia 09 de abril, para que o Governo do Estado abrace a causa da duplicação da BR-104, cujas obras começaram em 2009 e até agora não foram concluídas. 

Demonstrando interesse em destravar as obras, Paulo Câmara sinalizou positivamente quanto a uma reunião que haverá na próxima quarta-feira (08) com o Secretário de Transportes, Sebastião Oliveira. 

“Tem que finalizar isso. Tá uma novela mexicana, longa e chata”, disse o governador.

Pela segunda vez, o diretor do centro atacadista de confecções conversou com o gestor estadual sobre esse assunto. Allan frisou a importância da obra, tanto para a cidade quanto para o Estado. O síndico entregou ao governador mais uma camiseta do movimento “Duplica Já”.

“A partir do momento que essa 160 e 104 estiverem prontas, a gente vai receber muito mais gente aqui, e esse investimento do Estado vai ser retornado rapidamente. E obviamente que a gente espera parabenizá-lo por isso”, disse Allan se dirigindo ao governador.

O helicóptero que trouxe Paulo Câmara pousou no estacionamento do Moda Center Santa Cruz. O governador foi recebido pelo síndico Allan Carneiro, o prefeito Edson Vieira (PSDB) e lideranças municipais. Paulo Câmara veio acompanhado do secretário de Defesa Social, Alessandro Carvalho, e do deputado estadual Diogo Moraes (PSB).

Assista o vídeo:

Fonte: Assessoria 

Fábrica de criminosos

*Rosana Schwartz

A movimentação por parte de alguns segmentos sociais pela redução da maioridade penal no Brasil reflete a raízes da construção histórica, social e política pela opção punitiva e não preventiva – resquícios do sistema escravagista mais longo da história.

A sociedade civil enferma e excludente convive com permanências comportamentais de um passado elitista e burocrático. A Justiça outrora feita pelas “próprias mãos” passou paulatinamente para um terceiro, presumidamente imparcial - Tribunal de Justiça. Este, com mais de 100 milhões de processos e número reduzido de magistrados e servidores mostra-se para a população moroso e repleto de obstáculos. E a única resposta para quem pratica determinados delitos é o encarceramento em um sistema penitenciário falido.

A sociedade egoísta, com olhar elitista, se tornou nos caminhos da história, imediatista e tranca todo mundo. Assim, clama para a redução da maioridade penal, ficticiamente criando sensação de tranquilidade.

O combate às causas da violência e delitos não está sendo problematizado, ou seja, a questão é compreender por que nossa sociedade produz tantos criminosos jovens. É de conhecimento que o cárcere é uma escola do crime e que comprovadamente torna o jovem alvo fácil de múltiplas facções criminosas. A sociedade não se deu conta que o risco de gerar mais criminosos aumenta ao invés de diminuir.

Nas condições atuais do sistema penitenciário não existe possibilidade de devolvê-los à sociedade pela reinserção social. Estatísticas revelam que a maioria dos atos infracionais praticados por jovens menores de 18 anos não são graves, enquadrando-se em crimes contra o patrimônio e uso ou tráfico de droga. 

Seria uma resposta simbólica que na prática iria tornar a sociedade ainda mais vulnerável. O que deve ser feito é revisão densa do ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente) porque este não contempla psicopatias e não distingue se for com violência um latrocínio de um roubo de uma carteira no trânsito. Com a diminuição da maioridade penal eles ficariam juntos – adolescentes e adultos e não se aplicaria o ECA – Vide artigos 112 e 121 a 125 do ECA.

A prisão de jovens com adultos não é educativa e nem prudente. Ao invés de diminuir a maioridade penal, seria eficaz rever as medidas sócio educativas que estão previstas no ECA, e dar-lhes maior eficácia.

*Rosana Schwartz é professora de sociologia da Universidade Presbiteriana Mackenzie. Doutora em História, pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo - PUC/SP (2007). Mestre em Educação, Artes e História da Cultura, pela Universidade Presbiteriana Mackenzie - UPM (2001). Bacharel em História, pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo- PUC/SP (1989). Graduação em Comunicação Social: habilitação em Jornalismo, Publicidade e Propaganda, História e Ciências Sociais.

LERO COMEMORA INÍCIO DA OPERAÇÃO TAPA-BURACOS NA BR-104

Fotos: Edson Arruda e Jairo Gomes

A audiência pública realizada em Santa Cruz do Capibaribe na última sexta-feira (26) para tratar das obras de duplicação da BR-104 e a visita do senador Humberto Costa (PT) ao distrito de Pão de Açúcar município de Taquaritinga do Norte começam a dar frutos.

Na manhã desta quinta-feira (02), funcionários do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) deram início a operação tapa-buracos no trecho compreendido entre Toritama e Pão de Açúcar, atendendo uma reivindicação da população destas localidades, onde este problema foi constatado pelo Senador ao visitar o entroncamento da BR-104 com a PE-160, atendendo ao convite do vice-prefeito Lero Ivanildo e dos vereadores Batata, Luquinha da Saúde, Geovane e Eraldo de Pedra Preta.

Na visita, Humberto se comprometeu em articular com o DNIT ações emergenciais, tendo a operação solicitada sido iniciada na manhã de hoje.

“É muito importante esta operação tapa-buracos para nossa região, pois a BR-104 é o principal corredor para escoar a produção do Polo das Confecções e se encontra em estado precário. A atenção dispensada pelo senador Humberto Costa evidencia o compromisso dele e do Governo Federal com a nossa região e estamos muito felizes por este atendimento ao nosso pleito que era um anseio de toda a população. Esperamos que a duplicação seja retomada com as alterações propostas para que nossa região trilhe de fato no caminho do desenvolvimento”, comemorou Lero.

Shareaholic