quinta-feira, 17 de julho de 2014

Ex-presidiário é assassinado a tiros no Centro de Agrestina, no Agreste

Um ex-presidiário foi assassinado a tiros na manhã desta quinta-feira (17) em Agrestina, no Agreste de Pernambuco. De acordo com informações da Polícia Militar, a vítima, Breno Heleno da Silva, de 21 anos, foi atingida por disparos de arma de fogo na Rua Rufino Cardoso, no Centro da cidade, e morreu no local.

Ainda segundo a polícia, o suspeito teria chegado a pé onde a vítima estava e realizado os disparos. Até o momento, ninguém foi preso. O corpo da vítima será encaminhado ao Instituto de Medicina Legal (IML) em Caruaru, no Agreste.

Policiais apreendem submetralhadora em Santa Cruz do Capibaribe

Foto: Blog do Jota Lídio
Na manhã da ultima quarta-feira dia(16), um efetivo da Polícia Militar se dirigiu até a passagem molhada do bairro Rio Verde, e deparou com dois indivíduos em uma moto em atitude suspeita, ao visualizarem a viatura empreenderam fuga.

Durante a perseguição, o efetivo percebeu que um deles havia jogado um embrulho no matagal próximo ao rio, ao verificar a embalagem foi encontrada uma submetralhadora, calibre 38, oxidada (arma utilizada por policiais), além de três carregadores.

Todo o material foi conduzido para a delegacia de polícia de Santa Cruz do Capibaribe.

Polícia prende acusado de incendiar caixa eletrônico da Caixa em Belo Jardim, no Agreste

Um novo golpe foi descoberto no Agreste de Pernambuco. O comerciante Alexandre Monteiro, de 26 anos, foi preso nesta quarta-feira (16) pela Polícia Federal (PF), em Caruaru. Ele foi autuado em flagrante quando recebia um ressarcimento de depósito na Caixa Econômica Federal. De acordo com a PF, o acusado teria inserido vários envelopes vazios, mas com alto valor na descrição, em caixa eletrônico de Belo Jardim e, depois, teria ateado fogo no local.

Alexandre foi acusado de estelionato e encaminhado para o Presídio Juiz Palácio de Souza (PJPS), em Caruaru. Além da reclusão, o comerciante terá que arcar com os prejúizos causados ao caixa eletrônico por conta do incêndio.

Grávida de 2 meses é morta a facadas por ex-companheiro em Surubim, no Agreste

Imagem: reprodução/TV Jornal

A dona de casa de apenas 25 anos, Janicleide Oliveira de Souza, grávida de dois meses do quarto filho, foi assassinada pelo ex-companheiro, dentro da própria casa, na noite da última terça-feira (15). Ela estava separada de José Roberto do Nascimento, 30 anos, há duas semanas. O suspeito confessou o crime, praticado na frente de um menino de cinco anos. O assassinato aconteceu em Surubim, Agreste pernambucano.

De acordo com a polícia, Janicleide e José Roberto estavam juntos há três meses. Ela teria decidido se separar após descobrir que ele é casado. O cozinheiro não estaria satisfeito com o fim do relacionamento, tentou reatar e, como não foi correspondido, reagiu com violência e esfaqueou Janicleide.

O cozinheiro José Roberto tentou esfaquear José Carlos Oliveira, irmão de da dona de casa, porque ele tentou defender a irmã. José Carlos está internado no Hospital Getúlio Vargas, Zona Oeste do Recife.

A polícia aguarda que José Roberto, internado no Hospital Otávio de Freitas com ferimentos leves, receba alta para levá-lo para o Presídio Juiz Plácido de Souza, em Caruaru. Ele será acusado de homicídio, agravado pela relação afetiva que tinha com a vítima, e tentativa de homicídio.

Santa Cruz do Capibaribe recebe primeira etapa da Campanha Nenhuma Pernambucana sem Documento


Aconteceu no início deste mês, capacitação no auditório da Casa das Juventudes de Santa Cruz do Capibaribe, com mais de 30 mulheres integrantes da gestão municipal e da sociedade civil, onde foi concluída a primeira etapa da Campanha Nenhuma Pernambucana sem Documento.

Idealizada pelo Governo do Estado, a ação visa formar educadoras sociais em gênero, discutir, debater e encaminhar as demandas das mulheres do município, a partir da realidade local.

“Esse primeiro encontro surtiu o efeito desejado, pois trouxemos mulheres de diversas esferas sociais e conseguimos reunir representantes dos setores do poder público como educação, saúde, agricultura e cultura que puderam ouvir as demandas discutidas e se comprometeram a atender as reivindicações dessas mulheres”, disse a coordenadora da Mulher Clarissa Carvalho que atuou como parceira da campanha.

No próximo dia 12 de agosto, haverá a segunda etapa da Campanha Nenhuma Pernambucana sem Documento, com a emissão de primeira e segunda vias de identidade, Certidão de Nascimento e Casamento, para que elas possam dar mais um passo na consolidação da sua cidadania.

Informações da Assessoria.

Governo de Dilma Rousseff perde de goleada, diz Mendonça Filho


O líder do Democratas na Câmara dos Deputados, Mendonça Filho (PE), classificou como cenográfica e eleitoreira a reunião da presidente Dilma Rousseff com 16 ministros, nessa segunda-feira (14/7), para fazer um balanço da Copa do Mundo. Em discurso no plenário da Casa nesta noite, o democrata afirmou que a presidente da República se apropria da caraterística hospitaleira do brasileiro para vender que a estrutura montada para o mundial foi um sucesso, quando apenas 10% das obras de mobilidade anunciadas foram entregues. E disse: “assim como a seleção brasileira perdeu de 7 a 1 no Mineirão, o governo de Dilma Rousseff perde de 10 a 0, desde o início do governo”.

“Tenho que contestar aquela reunião cenográfica, eleitoreira, fazendo uso da Copa do Mundo como se a presidente estivesse em campo com a seleção. A seleção de Felipão, que infelizmente não levou o hexa, fracassou de forma vergonhosa. E time da Alemanha mostrou que organização, planejamento, trabalho de longo prazo dão resultado. E aí que me refiro ao governo do PT. Em 2013, o ministro Mantega prometeu crescimento de 4% para 2014; o mercado está projetando menos de 1%; o Brasil está estagnado, a inflação ultrapassou o teto da meta este mês e corrói o poder de compra da sociedade”, apontou.

Mendonça Filho reafirmou as críticas sobre as obras prometidas para o mundial e não concluídas. “Nessa reunião, esperava que a presidente pudesse justificar as obras de mobilidade. Apenas 7 foram concluídas, 10% do total anunciado, dados do próprio governo. No caso dos aeroportos, 43 das obras projetadas, apenas 21 foram concluídas. Um governo que não entrega o que promete, fracassa, perde de goleada. Lamento que a presidente quis fazer da característica do povo como patrimônio do seu governo. Receber bem pessoas, turistas é característica do povo, não é atributo viabilizado pelos méritos do governo do PT. Isso é um arremedo. Agora, quiseram tirar casquinha para desviar a atenção para os reais problemas: transporte que não existe, educação sucateada, economia estagnada”, completou.

Shareaholic