quinta-feira, 26 de julho de 2012

Eduado campos


RECONSTITUIÇÃO DA MORTE DE FLÂNIO

"Irismar”, este é o nome do 5º envolvido


O mandante do ritual de magia negra que culminou com a morte do menino Flânio, foi revelado pelo delegado que está a frente do caso na tarde de ontem.
O primeiro nome do homem que está foragido é“Irismar”, mas sua origem e mais detalhes não foram revelados.
A polícia está no encalço do elemento para que o caso seja de fato, concluído com sucesso.

A participação de cada um


Segundo os depoimentos de Maria Edileusa, a Filó, bateu com o que ela descreveu no local da reconstituição, segundo a perita Dra. Lanja Coelho que narrou à imprensa a participação de cada um dos envolvidos.
A entrevista completa será exibida em matéria em vídeo. Quem fez o que?
Filó- Assistiu todo o crime, embora pedisse em vários momentos que os homens não cometessem os atos. Foi a que mais colaborou com os esclarecimentos a polícia. Seus depoimentos “bateram” com o que mostrou na reconstituição do crime.
Pai Véi- Levou a criança ao local do crime, escolhendo aleatoriamente o menino. No local, baixou a bermuda e a cueca do menino, e sem seguida o estuprou. Flânio desmaiou e caiu no chão. Depois de assistir a execução, colocou o pano no pescoço e usou o torniquete para arrancar a cabeça do corpo.
Pai Nau- Depois de assistir o estupro de Pai Véi também estuprou o garoto. Em seguida com ele desmaiado, o sangrou com uma faca, sendo o responsável direto pelo assassinato de Flânio.
Deni- Assistiu a todo ritual, sem participar do estupro e diretamente ao assassinado. Segurou a vasilha para encher de sangue enquanto o menino era sangrado

Reconstituição da morte de Flânio esclareceu detalhes do crime que chocou o Brasil


Na tarde desta quarta feira cerca de 100 policiais deram segurança para que fosse feita a reconstituição da morte do menino Flânio que foi vítima de uma ritual de magia negra.
Apenas Maria Edileuza, a Filó, foi a única a comparecer, pois a SDS em tendeu que por motivo de segurança os homens envolvidos no crime não deveriam vir a São Domingos.

Fabiano conta tudo e desabafa

Shareaholic